Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



GRITO

Terça-feira, 29.01.08
Procuro frases que digam

 

o que vai em minha alma

mas as palavras não saem

e as que saem

as que saem são vazias de sentido

Agarro-me a elas

com o desespero do naufrago

que segura a bóia que lhe salva a vida

Mas é mentira

eu minto no sorriso colado na face

minto nas palavras sociais

nas conversas amenas

nos risos que solto nos lábios cerrados

Vagueio por esquinas de mim

perdido no emaranhado do que sou

do que eu não era

daquilo em que me transformei

Caminho na areia movediça

que me leva

de onde eu luto para sair

Mas vem o cansaço

e com ele as lembranças de outras lutas

de outros fracassos

de algumas vitórias

e me agarro em ti, desesperado

sem saber se devo ficar ou deixar-me ir

lutar ou baixar os braços

Procuro o teu seio também cansado

como menino deixo que me mimes

que me acarinhes no teu abraço

esqueço as lutas e entrego-me

sonho com poesia e musica

com sonhos perfeitos

vividos aqui no mundo real

Mas e o preço deles?

pago em lágrimas, em medo

pago em silêncios opressores

pago no medo de te perder

Ah mas tu és o meu porto de abrigo

mas culpo-me por isso

por te exigir

por te implorar

que sejas a outra parte de mim

aquela que me pode fazer viver

Mas eu não quero

não quero arrastar-te no peso da minha sombra

eu quero ficar

e quero partir

quero amar

mas não dar-te o peso do meu amor

Quero ser madrugada , não noite

quero ser Paraíso

não o inferno que te ofereço

ah quero gritar a verdade que trago no peito

enfrentar a vida

enfrentar o destino que a mim me escolheu

Mas a tua lembrança vem

os sonhos partilhados

os desejos mais secretos

a esperança do sorriso

Eu fecho os olhos e caminho

para uma luta que é minha

mas para onde sem querer te arrasto

ou porque quero

porque fazes parte de mim

ou porque esta vida é um resgate

das nossas vidas perdidas

Não sei

Se eu for ousado demais, avisa

se eu te magoar, perdoa-me

se eu for inconveniente, diz-me

E coloco em teu seio de novo a minha vida

e espero paciente que lutes por ela

como se eu fosse apenas espectador

Não, não é por comodismo

não é por ter medo

é porque eu sou parte de ti

Estou no olhar com que aprecias o sol

estou no sorriso com que despertas

estou no teu seio

na tua pele

Não quero ficar sozinho, sem ti

por isso luto, obrigo-te a lutar

pelos sonhos que não podem morrer

pela vida que é nossa

e ainda quero viver

É manhã, o sonho vai-se

e fica comigo a realidade

o medo

apenas o medo

fogem as cores com que pintei a noite

fogem as certezas em que me amparei

fica apenas a espera

o lutar permanente

por uma vontade

e uma verdade que só eu sei

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 12:07


1 comentário

De Rosa-Japão a 31.01.2008 às 00:55

ola meu querido amigo. vim ver as novidades e te oferecer meu premio Paz e Amor , este na lateral em menu presentes p vc , esse blog etranmite paz por isso merece esse premio. vem ver se gostar pegue por favor, rss otima noite p vc beijusss

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Caetano veloso

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes






Contador

free counter