Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A Páscoa como a Sinto

Sábado, 11.04.09

Na próxima sexta feira celebra-se a morte de Cristo.

Desde criança que me questiono sobre estas celebrações.

Sou Cristão e ser Cristão é acreditar em Cristo e não numa igreja ou religião.

Dizemos que são Cristãos todos que conhecem e aceitam Cristo no seu coração, não interessa se católicos , protestantes , ortodoxos ou de qualquer outra religião.

Cristo não defendeu nunca nenhuma religião , mas sim a palavra de Deus.

Foi depois da sua morte que se constituiram igrejas e muitas delas tão afastadas do verdadeiro ideal de Cristo.

Até porque todas as religiões que dizem representá-lo são ricas de bens materiais,

quando Cristo pregava a partilha.

O Vaticano , representante da igreja Católica tem um dos espólios mais ricos de arte, tem autênticas fortunas em arte Sacra e até um Banco, quando no mundo milhões de pessoas morrem à fome.

A venda de algumas das telas do museu do Vaticano poderia, se o dinheiro fosse usado em prol dos que Cristo defendeu, salvar muitas crianças da fome.

Mas as religiões são dirigidas por homens e todos os homens cometem erros.

Cristo não deixou a nenhuma religião o poder de o representar.

Ele deixou apenas os dez mandamentos que seriam a lei para todos os Cristãos.

Mas que nenhuma igreja segue.

E todas se dizem representá-lo.

Até mesmo quando padres em nome de Cristo e de Deus abençoam exércitos para guerras que matam milhões de inocentes e que só interessam à ganância do homem.

Desde sempre o homem usa Deus como desculpa para as suas necessidades menos dignas.

Tal como a Igreja Católica usou Deus para criar a inquisição e perseguir Judeus que, depois de mortos na fogueira como hereges,

ainda era retirada à familia a fortuna que revertia para os cofres eclesiásticos.

Os Judeus eram hereges , mas pelo jeito o dinheiro era abençoado

já que podia entrar em tão sagrados cofres.

Mas como humano também erro e só quero deixar aqui a minha visão das coisas.

Não vejo nenhum interesse em festejar a sexta feira Santa

porque não me parece que deva festejar a crucificação de um inocente.

Que no Domingo de Ramos foi recebido em apoteose por um povo que sendo escravizado via nele um político e um lutador.

Ele nunca prometeu derrubar estados,

prometeu a salvação Divina.

Ele não quis governar,

quis que os homens governassem segundo a vontade do Pai.

Mas a humanidade sempre foi imediatista e colocou os seus interesses à frente dos de Deus.

E não sabem respeitar o amor , só a força.

Quando viram que ele não lutaria como o herói que criaram na sua mente,

ao serem confrontados com a pergunta de Pilatos, de quem dos 4 presentes a julgamento seria libertado, por puro despeito escolheram Barrabás , um homicida, condenando Cristo um inocente a ser torturado e morto.

Cristo foi morto pelo despeito de um povo que ele amava e não o amou.

Que o não entendeu.

Então para mim a sexta feira da crucificação

é um sinal da estupidez humana, da capacidade triste que a humanidade tem de ser cruel e cega.

Assim como não festejo a Cruz.

A Cruz não é sinal de redenção, foi sim, um objecto de tortura humilhante

para um homem que estava inocente.

Cristo não era um ET , era um homem , não era também um Deus, era um homem que amava,

que acreditava em Deus , seu Pai

e pregava a vontade dele aos homens.

Mas foi um homem que sofreu todas as dores de uma tortura desumana e não posso festejar a dor e a morte de um inocente.

Quanto à Pascoa e à ressurreição ao Pai

acredito que ele não subiu ao céu num carro de fogo como sempre foi dito.

Ele era um ser humano especial , mas humano.

A morte dele teria sido válida se com ela a humanidade tivesse aprendido a lição que ele nos ensinou.

Mas 2.000 anos depois continuamos tão afastados de Cristo e de Deus como então.

E assim sendo não posso festejar a morte de um ser humano que se doou em amor e fé e que a conduta humana nos mostra diariamente que morreu em vão.

Para os que pensam diferente de mim , desejo uma Santa Páscoa.

Para os outros o meu abraço

e um sorriso de esperança e fé

num Cristo que nos compreende porque foi tão humano como nós e que nos perdoa , porque teve a nossa condição e entende as nossas falhas.

Que Deus Proteja todos

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 00:00


13 comentários

De Teresa Augusto Shanor a 06.04.2009 às 03:35

Querido Gonçalo!!

És um poeta, romântico, sonhador, mas também
nos mostra um olhar coerente, lúcido, sobre os fatos de nossa história sacra.
Á parte de se frequentar uma religião, temos que dar a mão à palmatória, para este fato real
e que colocaste tão bem neste texto.
E a Energia Crística é poderosa e, nestes dias em que se comemora a paixão, morte e ressureição de Cristo,
a mentalização, pela humanidade terrestre, ativa a potência desta Energia Crística, multiplicando-a infinitamente
e reacendendo a chama da reflexão, para uma conscientização maior, meta de Cristo, para nós humanos
e tão falíveis.
Quando penso em Cristo, vejo-o sempre caminhando, trabalhando, enfrentando os adversários com
uma força moral incomum e exercendo o seu sacerdócio, que é a caridade em todos os seus aspectos,
como um homem vivo e presente em nossas vidas.

Uma ótima semana.

Beijos carinhosos em teu coração.

De Paulo Ribeiro a 06.04.2009 às 11:41

Li duas vezes este texto meu filho , apreciando cada palavra.
Pela primeira vez vejo alguém falar de Cristo com verdadeiro amor.
Para lá das festividades das igrejas , dos erros humanos , senti a tua dor e o teu amor por ele em cada palavra.
Na verdade como diz a Senhora Dona Teresa do comentário anterior , Cristo era dotado de uma moral excepcional , de valores e dignidade , mas sim , era também humano.
Tão humano que amou Madalena , com a mesma paixão de qualquer homem.
Porque ao contrario das Igrejas que proclamam a castidade de Cristo como prova de santidade, ele de facto amou.
E amar é uma forma quase Divina de doar-se.
A Castidade quando desejada pode ser uma opção , mas não é por ai que se chega ao Pai.
Deus disse:-multiplicai-vos e a única forma de o fazer é de certeza não sendo casto.
A Castidade não é um Dom Divino , nem sinal algum de santidade , muitas vezes é o contrariar da natureza que resulta em graves danos psíquicos
Deus não ordenou a seu Amado Filho que fosse casto , ordenou que ensinasse aos homens a sua vontade.
E ele fez isso , amando e vivendo a sua vida ao mesmo tempo.
Só depois as igrejas resolveram apostar nessa castidade tentando levar os crentes a acreditar que amor e sexo são impuros.
De nada serviu porque ninguém ficou mais santo , apenas se obscureceu algo de tão belo.
Veja-se o resultado na obrigação que o Papa impõe aos sacerdotes com o malfadado celibato.
Isso não os santificou , apenas fez rarear vocações e fez com que aparecessem filhos sem pai por ai.
Porque sexo e amor é uma necessidade humana que os Padres também sentem e que acabam por satisfazer às escondidas e ai sim em actos ilícitos a Deus.
E os que não satisfazem podem vir a ter graves problemas emocionais .
Cristo foi sem duvida um ser humano exemplar.
Não direi como tu , que morreu em vão , porque cada vez mais a sua consciência e força espalha-se no mundo.
Mas de facto não era um personagem de BD , não ascendeu ao céu em carros de fogo ou com asas.
Quando faleceu , foi para o Pai como qualquer ser humano de alma pura.
É pena que muitos ditos cristãos tenham juntado á bíblia textos de apóstolos de Cristo" escritos 200 anos depois , que longevidade de vida, e deturpado muita coisa à luz de uma ideia que não era a verdadeira.
O homem quis mudar a palavra de Deus , quis que servisse poderes e interesses e o resultado é o que hoje vemos.
Uma humanidade afastada do amor do Pai , que terá que responder pelos seus erros.
Por isso meu filho , nada temos a festejar da morte de um inocente , mas temos que ter fé naquilo que dele ficou e na frutificação da sua palavra.
Que Deus te abençoe e abençoe todos os homens.

De António Cordeiro Lopes a 06.04.2009 às 11:50

Bom dia Gonçalo.
Gostei muito do texto.
Deus é amor e Cristo foi o instrumento vivo desse amor.
O resto são meras fantasias oportunistas de cabalas e de conchavos.
Viva Cristo!
Que Deus preserve o Sangue de Cristo...


De Thayara Queiroz a 06.04.2009 às 12:51

Oi meu querido
Nunca me questionei muito sobre religião.
Nem nunca destingui muito bem Cristo de Deus.
Para mim eram a mesma pessoa.
Não frequento igreja , mas acredito em Deus.
Gostei do jeito como vc falou de Cristo.
O mostrou tão humano , tão acessível.
Para mim Cristo sempre foi algo abstrato , distante da minha realidade, algo inatingível.
Mas do jeito que vc o descreve o sinto mais proximo e mais humano , mais fácil de amar também.
Gosto de seu Cristo humano , gosto de acreditar que não somente sofreu , que também sorriu , que também amou e foi feliz.
Obrigado por este retrato diferente de Cristo

De valquiria a 07.04.2009 às 00:05

Booite Gonçalo,parabéns lindo seu texto.Ninguém escreve melhor do que você sentimentos e isto;você é raridade meu querido,é especial. Meu pensamento é a conscientização que Jesus esta vivo e presente em nosso meio,tornando-nos cada dia seres dignos de ama-los e sermos amados por ele.Enfim,a Pascóa é Deus no coração,e amor e paixão,porque Jesus morreu por amor, é neste amor que devemos acreditar.
Linda a escolha da música.
Beijos com carinho a vocês

De Angélica Marques a 07.04.2009 às 12:44

Gostei da tua ideia sobre Cristo.
Assim tudo faz mais sentido.
Um Cristo homem , um Cristo como nós , um Cristo que sofreu e deu a sua vida terrena para nos salvar.
Que Deus te proteja , querido

De Alice Telles a 07.04.2009 às 17:03

Boa tarde meu filho
Como sabes sempre segui as ideias de Cristo que professas e que são também as da nossa família.
Para mim o Cristo que as igrejas tradicionais nos mostram , está longe de ser o Cristo verdadeiro.
Cristo foi anunciado como o Messias, mas nunca como um ser de outro mundo.
Nunca acreditei que Maria engravidasse directamente dos raios de luz Divina, porque se assim fosse nada faria sentido.
Cristo veio para que o imitássemos , para que aprendêssemos a viver e para o imitarmos ele teria que ser humano , ou nunca poderia ser imitado.
E teria também que ser humano para nos entender e para nos ajudar.
Maria não era Virgem quando concebeu Cristo , ele tinha irmãos mais velhos dos quais pouco ou nada se fala.
Maria era uma mulher , que teria que engravidar da junção de um óvulo com um espermatozóide como qualquer mulher , ou Cristo não seria um homem mas sim um ser estranhíssimo
Se Deus quisesse colocar na terra um ser Divino , colocaria um anjo, e assumiria esse anjo como filho, sem a intervenção de uma mulher como mãe.
Se Maria tivesse engravidado de Deus, se Cristo tivesse mesmo sido essa criação estranha , nenhum homem o tocaria por puro temor.
Mataram-no porque o sabiam homem , porque lhe conheciam os pais e os irmãos, e porque a sua palavra de amor não encontrava eco nos corações mais interessados no Poder terreno que no Divino.
E assustava os governantes porque se dizia Rei e era de facto descendente do Rei Davi .
O que nos sobrou de Cristo é o exemplo de um homem de fé, de coragem e de força.
Um ser que era um homem , mas que soube cultivar todas as virtudes encerradas no seu coração puro e doce.
Se olharmos à nossa volta veremos muitos outros exemplos de pessoas especiais , tal como por exemplo a Madre Teresa, e não é por isso que temos que crer que ela nasceu de uma gravidez divinal.
Existem pessoas especiais e Cristo foi um deles , talvez o maior e o mais perfeito.
Honremos a sua memória.

De COM ALMA E CORAÇÃO a 07.04.2009 às 23:07

Que neste momento tão especial de reflexão possamos lembrar daqueles que estão aflitos e sem esperanças. Possamos fazer uma prece por aqueles que já não o fazem mais, porque perderam a fé em um novo recomeçar, pois esqueceram que a vida é um eterno ressurgir. Não nos deixe esquecer que mesmo nos momentos mais difíceis do nosso caminho, tú estás conosco em nossos corações, porque mesmo que já tenhamos esquecido de ti, você jamais o faz. Pois, padeceste o martírio da cruz em nome do Pai e pela humanidade, que muitas e muitas vezes esquece disso.Jesus... Conceda-me a graça de ser menos egoísta, e mais solidário para com aqueles que precisam. Que jamais esqueça de ti e de que sempre estarás comigo não importa quão difícil seja meu caminhar. Obrigado Senhor, Pelo muito que tenho e pelo pouco que possa vir a ter. Por minha vida e por minha alma imortal. Obrigado Senhor! Amém. Uma oração!Deus te abençoe!FELIZ PÁSCOA!FELIZ RENASCER!amigo passando para te rever!deixar essa oração!Fique na Paz!no amor!de cristo!bjs!

De COM ALMA E CORAÇÃO a 07.04.2009 às 23:27

Adorei sua colocação aqui,realmente é assim...eu também não festejo!apenas tento mostrar a algumas pessoas que o AMOR é o unico caminho!se ele não conseguiu!quem serei eu!mas faço minha parte!Minha vida é um ressugir todos os dias!Fique com Deus!Felicidades!adorei vir aqui e ler este teu texto!

De Carlos Oliveira a 08.04.2009 às 17:26

É interessante conhecer Cristo mais profundamente.
Para além do homem de fé , foi também um homem e ser homem é ser amigo , é amar , é sonhar , é ter medo , é chorar , é ter coragem e é ser digno.
E foi tudo isso que Cristo soube ser
Um exemplo de integridade , mas sobretudo um homem.
Admiro a sua coragem amigo , em falar aqui de uma realidade que todos conhecemos, ou intuímos mas que dá muito mais jeito esquecer , não ver ou fazer de Cristo um ser tão misterioso que fica irreal.
Admiro vc e sua coragem , sua fé e sua persistência .
Que Deus o abençoe sempre.

Comentar post


Pág. 1/2





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Deus Cuida de Mim

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes





Quem Nos Visita



Contador

contador de visitas