Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Feiticeira, meu Amor

Domingo, 29.06.08


Trazes contigo a magia da sedução...
O encanto da noite de luar
e no teu olhar me ofereces
O brilho das estrelas
Carregado de paixão
 
Na voz tu tens magia
No olhar tens o feitiço...
Que me enfeitiçou um dia
Quando em dias passados
Deixaste meus olhos enfeitiçados
E roubaste para sempre meu coração
 
Continuas sendo a minha bruxa
musa dos meus poemas
do meu destino marcado
feitiçaria e juramento
que meu peito não esqueceu
 
Acredito que és feiticeira
que num bailado de estrelas

me fizeste enamorar
Bebi a taça de vinho
Onde prendeste meu destino

minha bruxinha da sedução
numa noite de luar

minha feiticeira e meu amor

eterna a minha paixão

eterno este meu amar

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 10:49

FANTASIAS

Sábado, 28.06.08

 

 

      

 

 

 

 

 

 
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Esta noite sonhei contigo...
E o sonho tão doce, bendigo
Que me deu tanta ventura.
Uma estrelinha que refulgia
Em céu negro se acendia
iluminando a noite escura!
 
Eu sonhava que escutava

A tua voz que me encantava

Nos meus lábios a divagar
Que teu rosto se moldava
E o teu corpo desejava
ter-me em ti , para te amar
 
Que eu te beijava gemendo,
Que teu rosto enrubescendo
e tua boca amor pedindo
Tanto amor tua alma ansiava
E tanto fogo se adivinhava
nesse teu olhar faminto
 
E depois dos meus abraços,
tu suspiraste, em meus braços
,
faminta, dos beijos meus
Tu olhavas-me a sorrir,
e por força eu queria ouvir
palavras de amor, juramentos teus
 
E a tua voz, era fantasia
No meu desejo que pedia
desconhecida melodia
cantada com tanta ternura,
tantas estrofes de carinho
ao meu peito , prometia
 
A tua voz doce , de mulher
Falava em noites de prazer
Como nunca eu as vivi
tinha gemidos suaves,
Como bater das asas de aves,
cujas carícias nunca senti
 
Parecia no meu coração

que esse sonho era emoção
que se derramava do meu peito
Que o meu olhar te adivinhava
Que o meu sangue parava
nesse momento eterno e perfeito
 
E depois numa promessa
feita no altar da vida
enamorado me senti
dormias terna em meus braços
E um anjo de amor,

anjo que nunca vi

dizia de olhos molhados
eu vos abençoo, enamorados

eu olhei e adormeci
 
Tu eras sempre tão bonita
O teu jeito de menina
brincando em leito de flores
teu rosto tão doce e terno
sereno teu rosto adormecido
tela de belissímas cores
 
Com um beijo te acordei
sem querer eu suspirei
E tu olhavas para mim
esse olhar que sempre amei
doce afago de ternura
fazendo promessas sem fim
 
Voltei a beijar-te e sorri
Teus lábios tremeram , eu vi
encostaste teu peito no meu
E fui eu então que tremi,
A minha boca que gemeu
pedaço de paraíso, 

nós dois juntos, o céu
 
E choveram tantas flores
de tantas e ternas cores
como teu olhar que me seduz
E quando partiste, que saudade
como se para toda a eternidade
A minha vida ficasse sem luz!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 10:59

JUSTIÇA IRANIANA

Quarta-feira, 25.06.08

Esta é a Justiça no Irão.
Claro que não me devia admirar, afinal já fui confrontado com um vídeo que me mostrou o quanto é justa e humana a aplicação da lei nos Países Árabes.
Mas chegaram até mim diapositivos que me mostram o quanto essa justiça é ainda mais desumana e cruel.
Não sei , não quero e não posso ficar calado.
Sei que não serve de muito expor aqui esta crueldade.
Mas se todos nos calarmos, todos somos cúmplices passivos de uma realidade monstruosa e absurda.
De uma justiça que me revolta , porque é altamente desumana e justiça sem humanidade é monstruosidade e crueldade.
Deixo aqui as fotos da face negra dessa justiça que diz apoiar-se na palavra de Deus.
Desconheço este Deus cruel e não quero conhecer.
Apenas rezo ao meu Deus, que mostre a estes homens que esta não é a sua justiça nem a sua vontade.
Ele deu a vida de seu filho pela humanidade, não exigiu a vida de ninguém.
Que Deus abra o coração destes Senhores tão cruéis e tão desumanos.
 
Castigo sobre uma mulher
Uma mulher literalmente enterrada viva. Nenhum crime no mundo justifica tremenda crueldade

Enforcamento de uma mulher

Castigo corporal exercido com chibatadas ou chicotadas

Castigos que visam punir a homossexualidade nas fotos que se seguem

Agora seguem-se fotos de castigos para os crimes comuns

 
 
A famosa frase olho por olho é aqui aplicada literalmente. Arrancam um olho a um homem a sangue frio

As consequências desta justiça (Divina) são estas que a foto vos vai mostrar  

 

  E esta a forma como se mostram ao mundo e como o mundo os trata e recebe, mesmo aqueles que se dizem ser defensores dos direitos humanos

 

 

SEM PALAVRAS...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 19:57

Só Preciso Que Me Ames

Segunda-feira, 23.06.08

Preciso que me ames, meu amor

que não te percas de mim

que me leves contigo

pelos caminhos que segues

que me tomes pela mão

e leves o meu coração

que sorrisos não me negues

Preciso viver em ti

viver por ti

e para ti

em momentos tão eternos

como o é o amor

preciso gritar o meu medo

deixar correr o meu pranto

perder-me no teu encanto

sentir a tua ternura

Preciso que tu me ames

quero sentir-te minha

com a mesma intensidade

com que me entrego e sou teu

não importa o tempo que passa

todas as lágrimas choradas

todas as desditas vividas

tantas intrigas e enganos

tantos medos e sofrimento

com que ambos nos deparamos

mentiras com que lutamos

algumas delas tão tristes

dolorosas e infames

o meu sol nasce em teu rosto

a minha vida em teus olhos

Só preciso que me ames

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 04:12

É importante dizer...

Quarta-feira, 18.06.08

 

 

 

 

Havia um rapaz que era o primeiro em tudo. Tinha sido o melhor da sua turma. Era sempre o melhor desportista. As mulheres pareciam sempre preferi-lo.

Mas nunca em altura alguma ouviu da boca dos pais que era um bom filho, nenhuma das muitas namoradas jamais disse que ele era um bom companheiro e nenhum amigo nunca afirmou ser ele um bom amigo.

Num dia em que a depressão tomou conta dele, ele tentou suicidar-se.

Ficou a pairar num plano que desconhecia, num ambiente doce de paz.

Até que sentiu uma presença junto de si.

E a presença que não tinha forma, apenas luz, perguntou:

- Porque cometeste esse acto se sabias que todos te amavam?

Se eras o melhor em tudo, porquê?

E o rapaz respondeu:- Porque me sentia só. Porque às vezes vale mais uma palavra de carinho que sermos os primeiros em tudo.

Vale mais uma palavra de amor, que festas e compromissos sociais.

Até hoje nunca ninguém sem interesse algum me abraçou e me disse com sinceridade e olhos nos olhos (gosto muito de ti).

A presença que era luz, ficou quieta, como se não encontrasse palavras.

E o rapaz continuou:- Sabes o que mais me custou nisto tudo?

A presença de luz que parecia triste, respondeu:- Diz-me tu o que foi...

E o rapaz disse:- É que apesar de tudo isto, eu ainda espero encontrar quem me abrace e me diga com toda a sinceridade que me ama, sem interesse algum, que me ama por apenas amar.

Então a presença de luz , disse que não ficasse triste, que cumprisse o seu destino , que ainda encontraria de verdade quem o amasse e que Deus o amava e todos os dias lho dizia das mais variadas maneiras só que ele não o escutava e não sabia sentir a sua presença e o seu amor.

O rapaz viveu com mais esperança e descobriu como é importante dizer aos que nos rodeiam quanto os amamos, o quanto somos amigos, o quanto gostamos e sentimos falta.

Se eu desaparecesse hoje, se morresse hoje, gostaria que a mulher que amo , soubesse quanto na verdade a amo e quanto me faz falta.

Que os meus amigos de verdade, soubessem o quanto os adoro e preciso deles.

Que a minha família saiba o quanto a adoro e faz parte de mim e da minha vida.

Que meus filhos sintam que para lá de um pai que muitas vezes é ausente, existe um pai que os ama de verdade, com o amor mais puro que se pode sentir.

Quero dizer também aos meus leitores o quanto são importantes, o quanto gosto de todos que por aqui passam e me deixam palavras de carinho.

Obrigado a todos e nunca esqueçam, eu gosto muito de vocês

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 19:15

Dia 12-Dia dos namorados no Brasil

Quarta-feira, 11.06.08

 

Solta-se a alma, quando se fala de amor

criamos asas de sonhos

e também de penas

porque é também delas

que o amor se faz

O olhar é uma janela

janela da alma de quem ama

onde o olhar enamorado

louco e apaixonado

é centelha

que aumenta a chama

Quando amamos somos estrelas

iluminamos a noite

do coração

somos sois de diamantes

nos eternos instantes

que dura uma paixão

Somos eternos numa jura de amor

que importa que só dure

até ao amanhecer

por amor somos imortais

aos anjos iguais

ou talvez rivais

em beleza e esplendor

porque é um Deus alado

limpo de pecado

de alma transparente

todo o ser abençoado

que um dia

por magia

um amor sente

é no carinho dos olhos teus

no teu amor

que eu me invento

e sem medo de pecar

meio a sonhar

sinto-me um Deus

Que seja bendita esta chama

que torna Divino

todo o ser que ama

 

QUE DEUS ABENÇOE TODOS OS ENAMORADOS

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 23:46

ETERNA LUA

Sábado, 07.06.08

 

Danças para mim no seio da noite

no silêncio cúmplice de nossos corpos

quentes

que anseiam pelo toque

pelo prazer

Danças para mim com teu vestido longo

danças só tuas

que me deixam louco

crias magia no seio da noite

a lua espreita-nos como se sorrisse

e tu danças, danças sem parar

ao ritmo quente do meu coração

Danças como se fosses pássaro

voas num instante eterno

prendes a minha alma

no teu olhar de feiticeira

entrego-me a ti

tão perdidamente

como se tu meu amor, fosses a primeira

Contigo esqueço o ódio e o medo

esqueço as intrigas

os jogos de salão

as conversas vazias, falhas de sentido

as mentiras ditas como se verdades fossem

esqueço outros amores

outras paixões

se é que alguma na verdade existiu

e a ti me dou

dou meu coração

ao mais absoluto amor, que ele já sentiu

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 04:08

DOCE DOR DE QUEM AMA

Segunda-feira, 02.06.08

 Perco-me no que não sei

nas palavras que não me dizes

nos sonhos que habitam em ti

nos teus silêncios

mas também no que me dizes

e oculta a face do que eu queria ouvir

perco-me nas ruelas do sentidos

nas travessas das emoções

nas ruas onde os corações

batem sem compasso certo

e o mundo perde a calor

o riso perde a alegria

a noite perde a magia

e a madrugada a cor

quando nós dois separados

brigados ou amuados

deixamos de falar de amor

e quando falamos depois

tanto brincamos os dois

que falamos sem falar

o que ficou por dizer

e quando falas e magoas

sem maldade ou intenção

mas fere-se um coração

aquele que ainda é meu

mas que sendo meu, é tão teu

que podia bater em teu peito

e sangra, sangra de dor

e do mais puro amor

de um sentimento perfeito

e perco-me nas vielas

daquilo que tu não dizes

e eu escuto o que não disseste

em frases que magoaram

e solto as lágrimas ao vento

confidente dos amantes

de todos os que choram

perdidos tal como eu

e carrega as dores, o vento

soltando-as num lamento

que não é dele, mas meu

e fica mais escura a noite

a lua perde a beleza

as nuvens tapam as estelas

que são presentes de luz

oferecidos aos amantes

por anjos  que vagueiam

protegendo os enamorados

e fico só , sem estrelas

porque não há luz quando se sente

que não poderemos vê-las

quando o coração nos atormenta

e nos prova em palavras

aquilo que desmentiu

a agonia de uma dor premente

que flagela insistente

a alma de todo o que ama

fazendo brotar as lágrimas

como água da nascente

daquela que corre solta

por sobre as faces marcadas

mas sabem os poetas

aqueles feridos de morte

por sentimento ou descrença

mesmo sem intenção

que a lágrima que mais dói

não é a que rola na face

mas a que sai do coração

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 03:16





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Deus Cuida de Mim

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes



subscrever feeds



Quem Nos Visita



Contador

contador de visitas