Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Contrastes!!!

Quarta-feira, 30.07.08

Eu precisei de muita guerra

para dar valor à paz

Precisei de muito ruído

para valorizar o silêncio

Precisei mergulhar na escuridão

para admirar a luz

Momentos de turbulência

levaram-me a querer calmaria

Deixei que fizessem de mim, escravo

e aprendi a lutar pela liberdade

Procurei a minha sanidade

depois de me terem enlouquecido

Recordei tantas coisas

depois de as ter esquecido

Aprendi a amar

mas pensei não ser capaz

e quando me ensinaram a odiar

procurei no amor, a paz

Deixei que demónios entrassem na minha vida

para correr para o seio de Deus

Deixei que me magoassem

para sentir o abraço terno

de quem me limpava as lágrimas

Foi com a ausência das pessoas que amo

que aprendi a amar cada momento com elas

Foi nas minhas piores derrotas

que construi as minhas maiores vitórias

Com o sexo aprendi a gostar

de um gesto terno e casto

No meio de tanto absurdo

consegui descobrir o nexo

No vazio da minha alma

apareceu o cheio, da presença

E quando me julgaram no fim da estrada

eu mostrei-lhes que era o começo

Sempre há uma saída

em cada entrada errada

e sempre existe uma bruxa

que nos fala de bondade

Foi-me dada a doença

para que lute pela saúde

Foi-me dada a solidão

para conhecer os meus amigos

E foi do meio da tristeza

que eu resgatei a minha alegria

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 19:51

Alma

Segunda-feira, 28.07.08

Visto-me de alma, da minha alma
Nas horas em que a noite se segue ao dia
Em que a vida se esvai por momentos
E a noite nasce no coração
Visto-me de alma, dessa alma
Que Deus um dia criou para mim
Minha eterna companheira
Minha âncora e luz
E é nesta alma que me cobre
Em momentos de dor e desespero
Quando a tristeza sorri e me seduz
Que me ergo neste amor
Que renasço para te amar
Num sentimento maior que o meu coração
Que só uma alma pode albergar
E se um dia me disserem, meu amor
Que terei que morrer para te amar
Então responderei
Que muitas vezes morri e renasci
Em solo fértil de lágrimas
Onde a cada dia floresce uma pétala
De um amor que Deus quis assim

MARIA MANUEL

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:59

Sou antiquado

Domingo, 27.07.08

Hoje reparei um pouco mais em mim

e fiz uma descoberta

sou antiquado

Isso mesmo, fora de moda

bota de elástico

Mas não me envergonho por isso

até sinto um certo orgulho

porque descobri

que ser antiquado

é conseguir sorrir para esconder uma lágrima

Ser antiquado é também procurar o abraço

e gostar de murmurar baixinho:-(amo-te)

olhando a lua

e ainda gostar de passear ao final do dia

de mão dada junto ao mar

Sou antiquado porque acredito

num amor sincero

no encontro de dois amantes sob

as estrelas

num amor exemplar

Sou antiquado

porque adoro escrever poesia

e oferecer flores

Sou antiquado porque sou romântico

mas não me envergonho disso

Sou antiquado porque não tenho vergonha de chorar

quando me sinto magoado

por causa de uma briga

ou até por um filme de amor

Sou antiquado porque me apaixono

porque posso magoar-me com uma simples palavra

e luto pela reconciliação

esquecendo o orgulho

Sou antiquado porque não sigo modas

não ligo para o que os outros dizem

e entrego-me quando amo de verdade

Sou antiquado

porque a meio de uma discussão

peço desculpa até sem ter errado

e cumprimento quem por mim passa

Sou antiquado porque me preocupo com os outros

gosto de saber dos amigos

Sou antiquado porque rio de mim mesmo

porque ainda desfolho flores

e guardo no quarto , cartas de amor

Sou antiquado porque me prendo a quem amo

peço perdão

ou perdoo

para não perder um amor

Sou antiquado porque num mundo

que aprendeu a viver sem valores

eu mantenho os meus

ainda que sejam errados

Sou antiquado porque nunca recusei

estender a mão a quem me pediu

e também não hesitei pedir

quando precisei

Sou antiquado porque nunca ajudei

esperando retorno

e nunca fiz amigos pelo status

ou extracto social

Mas descobri também

que os antiquados como eu

ao contrário do que pensam os modernos

também se divertem

Têm amigos de verdade

amam para valer

e são verdadeiramente felizes

e depois de tudo isto

e apesar dos meus erros

das minhas falhas

eu agradeço a Deus

por ser um dos poucos antiquados

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:14

Saudade

Sábado, 26.07.08

Fui informado através de amigos comuns que faleceu um amigo e blogueiro , o Zeca do blog

http://luavazia.zip.net/.

É triste perder um amigo.

Quando um amigo morre , perdemos um companheiro , um abraço terno na terra , mas ganha-se mais um anjo no céu.

Rezo a Deus para que esse querido amigo encontre a paz eterna no seio do Senhor.

Os meus sentimentos à família e a todos os amigos que tal como eu sentem a sua morte.

Que descanse em paz!!!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:14

Obrigado

Sexta-feira, 25.07.08

Houve tempos de dor

de desespero

em que precisei chorar

e tu sempre me consolaste

E nos tempos em que sorria

tu sempre sorrias comigo

Nos tempos de luta

em que me revoltei

zanguei e questionei

sempre te mantiveste a meu lado

Nos tempos em que sonhei

acreditei

idealizei e lutei

tu com a força do teu amor

mesmo quando te magoei e me afastei

quando te feri e me fechei

ficaste a meu lado

Enfrentaste o teu próprio medo

todos os obstáculos

ficaste comigo

acreditaste em mim

e naquilo que sou

e pelo que luto

Antes de ti

eu sentia-me sozinho

perdido na noite escura do nada

mas tu vieste

como presente de Deus

entraste na minha vida

e com teu jeito terno

carinho e especial

fizeste que eu

simples humano

acredite ser imortal

num amor que cresce em nós

sem limite

intemporal 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 18:54

Perdoa-me

Quinta-feira, 24.07.08

Perdoa-me por tantas vezes

ter perturbado a nossa felicidade

Perdoa-me pelas horas tristes

e desagradáveis que tanta vez

te fiz passar

Perdoa-me os momentos

em que te fiz infeliz, sem querer

Perdoa-me se hoje não te faço tão feliz

como queria e deveria

Perdoa-me quando indirectamente

te causo problemas

Perdoa-me meu amor

se nem sempre te deixo pensar em mim

com o amor que de verdade sinto

Perdoa-me quando pareço

não me preocupar contigo

porque não é verdade

Perdoa-me se às vezes

te faço duvidar dos meus sentimentos

Perdoa-me por todos os sorrisos

que te roubei

Por todas as lágrimas

que fiz correr

Perdoa-me

mas acredita que te amo demais

Perdoa-me

quando o meu amor é frágil

quando sinto medo

Perdoa-me quando  me sentes ausente

mas acredita que te quero

que te quero junto a mim

num momento sem fim

que dure eternamente

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:43

Coisas que eu fiz!!!

Quarta-feira, 23.07.08

 

Já muitas vezes menti

e de todas elas me arrependi

já falei a verdade

ouvindo afirmar que mentia

já fingi não amar

para logo de seguida me desdizer

já sorri com o pranto a escorrer na alma

e já chorei de rir perdidamente

Já acreditei em pessoas que me mentiram

e desconfiei das que me falavam verdade

Já tive ataques de ira

em que parti tudo

e ataques de riso quando não devia

já chorei a ausência de alguém

sem nunca lho dizer

e já disse palavras

que devia calar

e já me calei, idiotamente

quando devia falar

já deixei de falar o que queria

para agradar pessoas

e falei o que não sentia

para magoar quando me senti ferido

já engoli a minha verdade

para agradar

e apoiei-me na mentira

para magoar

Já fiz de palhaço sem graça

para ver um amigo sorrir

já menti sobre factos

para dar esperança a alguém

Já acreditei tão sinceramente em sonhos

que os julguei reais

Já tive medo da escuridão

hoje desejo-a quando choro

Já cai tantas vezes

pensando não mais me levantar

e levantei-me outras tantas

pensando não mais cair

Já peguei o telefone

e liguei para quem não queria

abafando a vontade

de ligar para quem desejava

Já chamei de amigo

a pessoas que depois me traíram

a outros nada chamei

e estavam na minha vida

nas alturas em que precisei

Por isso não acredito em certezas

nem espero ter razão sempre

não me ditem leis

porque só seguirei o meu coração

Não vejam em mim o que não sou

porque eu não sei o que sou

mas sei que sou diferente

Gosto dos venenos mortais

sãos os que sem tocar

de certeza me atraem mais

Gosto das bebidas mais intragáveis

das drogas mais poderosas

e porque nem tudo são rosas

gosto das ideias mais loucas

dos pensamentos mais complicados

dos sonhos mais ousados

Tenho uma fome insaciável

dos instintos mais loucos

não sou santo nem imortal

sou a todos quase igual

e igual há muito poucos

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 21:20

Para todos os meus amigos, feliz dia do amigo!!!

Segunda-feira, 21.07.08

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 00:38

CAMINHADA

Domingo, 20.07.08

Desde que nasci

que sei que não foi por acaso

que trago caminho e direcção

por isso olho os meus passos

e tomo atenção aos meus actos

olho os actos de quem por mim passa

ou por quem passo eu

Aprendi a não me enganar com a força

e a energia das primeiras etapas

do caminho

porque sei

que sempre vem o dia

em que as pernas vergam

Mas mesmo quando os meus pés feridos

se recusam a andar

Eu rezo a Deus e imploro

que me continue a dar forças para caminhar

e rezo também

para que sempre exista alguém

disposto a amparar-me

Cada vez que a vida me faz sorrir

procuro não esquecer

que a meu lado, existem aqueles que choram

e procuro que a minha alegria

não ofenda a tristeza de quem sofre

Procuro nunca me deixar dominar

pelo desespero

e tento entender que é o sofrimento

que me torna humilde

e nos torna iguais perante a mesma emoção

Quando eu tenho a força para caminhar

e a esperança de conseguir

no coração

eu procuro continuar a minha jornada

sem me sentir mais herói

do que os outros que não puderam

ou não quiseram caminhar

Porque um dia

as minhas forças irão cessar

e eu terei que ficar imóvel

e serão os que ultrapassei

que me irão alcançar

e nesse dia

poderão fazer como eu

ultrapassar-me, sem me tentarem ajudar

e se isso acontecer

serei eu que ficarei só

sem concluir o meu destino

No meio do dia mais belo

eu procuro a face oculta da noite

porque é sob o seu manto

que a caminhada é mais fácil

mais calma

mas também é a escuridão

que torna difícil a chegada

quando cega de trevas

a minha alma

Aprendo a esperar cada madrugada

como salvadora

e o luar

como farol abençoado

Compreendi que caminhar sozinho

é mais fácil e mais rápido

mas que ao chegar

a minha vida

estará perdida e vazia

Quando sinto a sede

procuro a fonte da vida

quando me perco

procuro a direcção traçada

no caminho de uma estrela

Procuro não seguir os que se desviam

e rezo para que ninguém se desvie

seguindo a indecisão dos meus passos

Procuro que a pressa

não me impeça de ver

o dia nascendo

a rosa florindo

a gota de orvalho

que a noite deixou

Procuro não atropelar ninguém

na minha pressa

embora seja bom seguir em frente

sei que muitas vezes a sabedoria

consiste em simplesmente voltar atrás

e procurar nas estrelas

um outro rumo

um outro caminho

Procuro não me perder

nas encruzilhadas da vida

e nem temer os que me tentam impedir

rezo por força

que me leve

até onde devo ir

e quando eu caio

rezo para que a recordação

da minha queda

impeça que outros tropecem

no mesmo local

na mesma pedra

Rezo para chegar

mas o mais importante

desta caminhada

é que eu faça chegar

quem me perguntar

quem me pedir ajuda

quem confiar em mim

que a caminhada se reinicie

sempre que a cada dia

eu pense ter chegado ao fim...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 01:31

De uma amiga

Sábado, 19.07.08

Photobucket


Querido Gonçalo!!
 
Hoje, entrei somente no final da tarde na net e me deparei com a grande surpresa postada no seu Blog.
Farei meus posts pra você somente à noite e com muita felicidade.
 
Parabéns pela grande vitória em sua vida, a maior entre todas as vitórias!
Parabéns também pelo aniversário de sua filha.
Que Deus abençoe a ti, teus filhos, teu lar e toda tua família.
Que a divina Mãe Maria ilumine os caminhos de tua filha e a faça forte e feliz sempre!
Obrigada, amado amigo, por estar entre nós e iluminar nossos corações com tanta beleza e magia!
Obrigada por estar em minha vida, como uma jóia rara, única, me presenteando com sua linda amizade!
Minha Alma, neste momento, beija Tua Alma, com o mais puro e desprendido sentimento de Amor Universal!
Não consigo mais falar, pois tudo que eu fale é pouco para te dizer o quanto te quero bem!!
Um forte abraço e um olhar carinhoso dentro dos seus olhos!!
 
Com carinho,
Teresa.
(Sandra Heloisa Guatelli)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 01:39


Pág. 1/2





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Deus Cuida de Mim

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes



subscrever feeds



Quem Nos Visita



Contador

contador de visitas