Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Para ti amigo

Sexta-feira, 18.07.08

Cada dia que nasce traz na sua aurora a certeza de ser um dia cheio de sentidos. Nem sempre são dias de sorrisos, apesar do nosso desejo que assim seja. Alguns não conseguem apagar a escuridão da noite e no lugar de raios de sol, trazem tempestades…

 

São dias que amanhecem com guerras para se travar, lutas para se perderem ou talvez, quem sabe ganhar. Nem sempre são fáceis de entender pois na maior parte do tempo, o inimigo é invisível ou então é a própria vida que teima em nos colocar a prova…

 

Há dois anos atrás, o dia trouxe, talvez a maior das batalhas que terias de enfrentar. Não havia armas sofisticadas nem estratégias infalíveis para conseguires a vitoria. Apesar de ter como apoio a ciência, o medo da derrota estava sempre presente…

 

Deixaste no ar uma despedida silenciosa, não querias mostrar teu medo nem as incertezas que magoavam teu coração. Colocaste num pequeno raio de sol um sorriso de esperança e um até já que caiu em chuva miudinha nos olhos de quem te queria bem…

 

Nesse dia, uma prece ecoou no silêncio das almas… E embalado pela melodia de uma oração, travaste a luta pela vida. Acredito que foi tua força e a vontade de viver que te deram forças para não desistir …mas sei também, que foi o elo invisível do amor de todos aqueles que te amam e que tu amas, que fizeram com que a vitoria fosse a única saída!

 

És importante demais para quem te rodeia e para quem precisa do teu carinho para poderes desistir de qualquer luta…

 

Obrigada meu amigo pela lição de força, esperança e por nunca te teres despedido.

 Fátima

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:20

O melhor é amar!!!

Quinta-feira, 17.07.08

Que os nossos sonhos sejam sempre tão fortes

que possam como magia

possuir o poder de afastar a morte

Que os nossos sonhos sejam um escudo

contra a tristeza e a enfermidade

e fortes o suficiente para deles não ficar a saudade

Que os nossos sonhos sejam grandes

de uma grandeza tal

que nos pareçam infinitos

E que a magia deles para sempre nos envolva

e nos embriague numa beleza

que seja eterna e imortal

Que os nossos sonhos sejam tão belos

que todos ao vê-los

também queiram sonhar

e que possuam tanta força e tanta vida

que os possamos partilhar

Que os nossos sonhos sejam doces

carinhosos, amorosos e ternos

que sejam a cada dia

sempre novos, sempre eternos

Que jamais nos abandonem

que nunca nos deixem sós

que cada sonho seja um elo

do amor que existe em nós

E que os nossos sonhos

sobrevivam a nós, que sejam o nosso legado

porque os sonhos dão a força

que a vida sozinha não sabe dar

sejamos os dois, felizes e sonhadores

e seja o nosso amor

para sempre recordado

que sejamos símbolo de todos os amores

casal lutador e perfeito

que recorde em todo o peito

que a melhor obra do homem , é amar

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 20:24

Eu sou

Segunda-feira, 14.07.08

 

 

Eu sou uma mistura tão estranha

que eu nem mesmo sei

sou um pouco dos brinquedos

com que um dia brinquei

sou todas as palavras

que com carinho ou raiva, usei

sou também um pouco

dos segredos que não contei

de todos os que me contaram

e que religiosamente guardei

Sou todos os amores que vivi

e todos em que acreditei

sou a conversa séria com o meu pai

que na minha alma gravei

Sou aquilo que recordo

e tudo que um dia inventei

Sou a saudade eterna que sinto

da minha mãe

na infância que tanto amei

Sou a dor de tudo o que perdi

por não ter dito quanto senti

porque por comodismo me calei

Sou a emoção suave

de todos os livros que li

as imagens que me fizeram chorar

e que guardei

Sou as lágrimas que choro

os abraços que dou

a mão que nunca neguei

a quem de mim precisou

Sou a sensibilidade que me guia

o carinho que me dão

e que eu dou

um puzzle humano

em pedaços pequeninos

que a mão de Deus encaixou

Mas sou também o prazer

o orgasmo

o sorriso

o beijo

a gargalhada

a doçura ou agressividade

de uma resposta impensada

Eu sou a alma que dispo

tudo o que mostro de mim

sou o fim e o principio

sou um início sem fim

Sou a raiva de não ter conseguido

a impotência de não ter alcançado

sou um momento perdido

num coração magoado

Eu sou tudo o que tenho

os direitos e os deveres

sou a estrada que faço

no meio da minha vida

Eu sou aquilo que penso

sou aquilo que sinto

sou o que ninguém vê

Eu acredito em olhares

em suspiros de amor

em abraços de ternura

em momentos de magia

que quase são de loucura

O tempo passa

as coisas mudam

mas eu sou imutável

Sou aquilo que sou

uma lágrima de vida

Que Deus um dia chorou

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 18:17

REALIDADE

Sábado, 12.07.08

 

Houve um tempo em que acreditei

que existiam pessoas perfeitas

mas descobri que se existem

eu nunca mereci conhecer nenhuma

a vida é um eterno e sedutor jogo

amei pessoas que me desiludiram

e já desiludi tantas pessoas que me amaram

Já me questionei tanto sobre mim mesmo

passei dias querendo descobrir-me

e quando dei de cara comigo

a minha vontade foi de fugir

Já me escondi com medo de me perder

e perdi justamente por me ter escondido

Já me segurei aflitivamente às mãos de alguém

porque morria de medo

mas também já senti tanto medo

e não encontrei as mãos que procurava

Tirei da minha vida pessoas que eu amava

e arrependi-me disso

quando me dei conta que muitas que eu amava

também me tiraram da sua

Passei tantas noites a chorar

até adormecer de pura exaustão

e outras existiram

em que me deitei tão feliz

que não consegui adormecer

Nunca me peçam normalidade

porque não sendo anormal

vivo diferente

sinto diferente

não sei amar com normas

amar de acordo com o esperado

amar pela metade

Não gosto de dizer mentiras

nem de as viver

nem de me defender com elas

Não consigo ter os pés no chão

porque se o fizer

não poderei voar

Sou sempre igual a mim mesmo

mas também sei

que não serei o mesmo, sempre

  

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 19:34

Amo-te de verdade

Sexta-feira, 11.07.08

Se Me Amas de Verdade
Não deixes para mostrar-me este Amor depois
Pois o depois, poderá ser tarde "demais ".

Se me Amas de Verdade,
Não me digas, "preocupo-me contigo" ...
Mas sim, fica ao meu lado sempre,
pois juntos, dividiremos e superaremos as dificuldades

do dia-a-dia.

Se me amas de verdade,
Não esperes que eu te chame para um passeio ...
Pega-me na mão e faz-me uma surpresa
 Leva-me para qualquer lugar,
pois por mais simples que seja, o mais importante,
Será ficar ao teu lado

Se me amas de verdade,
Se me sentires triste, não me digas "não fiques assim" ...
Brinca comigo, conta-me uma piada e
Tenta arrancar-me aquele sorriso dos lábios, 
faz-me  esquecer, pelo menos naquele momento,
O que estiver a doer na minha alma.

Se me amas de verdade,
Não me digas
Vou tentar ajudar-te no que for possível ...
mostra-me que estás a tentar o impossível
Pois para quem ama, o impossível é pouco,
Mas vale sempre a intenção, e jamais esquecerei que um dia,
tu pelo menos tentaste.

Se me amas de verdade
Não me digas, "quero beijar-te" ...
Corre para os meus braços e beija-me loucamente
Como se fosse sempre a primeira vez

Se me amas de verdade
Não me perguntes, "queres fazer amor comigo?" ...
aperta-me contra ti, até sermos um só.
 encante-me com o teu carinho,
ama-me perdidamente,
leva-me aos céus, e depois dormiremos nas nuvens.

Se me amas de verdade
Não me digas que não podes comprar-me um presente,
Seja lá por que motivo for ...
Mostra-me simplesmente que te lembraste

 que aquela data,
Era muito importante para mim.
Pois estar ao teu lado, é o maior presente
Que recebo de ti todos os dias.

 Se me amas de verdade
Não me digas simplesmente "amo-te" ...
Jamais me fales deste amor apenas com palavras.
Pois as palavras, o vento leva-as.
Mostra-me este amor
Com toda a tua capacidade de amar,
Com os teus gestos, o teu carinho, e principalmente
Com as
tuas atitudes mais inesperadas
Que me surpreendem e fazem rolar algumas lágrimas
Lágrimas de felicidade, pois sentirei sempre em ti
Que tu amas-me "de verdade"

Quanto a mim, deixa que te mostre
O tamanho do meu amor por ti,
Mas nunca te mostrarei por palavras
entrego-me a ti de corpo e alma
Porque eu, eu amo-te de verdade

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 20:58

Um momento inventado

Sexta-feira, 11.07.08

 

Por um minuto apenas

eu gostaria de ter paz

e retirar dos meus ombros

o peso que trago comigo

Um tempo sem exigências

em que o mundo me esqueça

nada me peça

e apenas permita

que rasgue a dor

lançando pelo rosto

as lágrimas há tanto tempo guardadas

Preciso de um minuto

em que o mundo consinta

que eu retire a máscara

a mesma que parece dizer:

-olhem o meu sorriso!!

Gostaria de um momento

em que voltasse a ser criança

contasse os meus medos

e eles se fossem num abraço terno

de carinho puro

Queria um minuto apenas

em que pudesse sonhar

e acreditar nos meus sonhos

poder pintá-los com as cores

da paz

Sem ter que lhes dar o tom cinza

da dor

ou o tom negro do impossível

um momento em que as minhas mãos

se enterrem nos meus sonhos

e os moldem

como se fossem de barro

até ao dia que queira quebrá-los

Quero ter um momento

em que sinta o amor

mesmo que o não mereça

um segundo de sonho

em que encontre um ombro

que não me questione

que me acolha em silencio

e me ampare a cabeça cansada

Quero um momento

em que toda a dor do mundo

me seja dada

porque ela é minha

real e verdadeira

mesmo que eu ainda não a conheça

e não saiba lidar com ela

mas sem assustar ninguém

causando uma revolução em mim

deixando que o meu mundo

pareça mais frio

e vazio

E depois virá o momento

em que os meus olhos vão secar

e eu vou lutar outra vez

da dor, reapareço mais forte

porque eu sou quase todo alma

e alma é imaterial

não se desintegra

Então quero um momento apenas

em que possa ser humano

um momento de fragilidade

igual ao de todos

em que possa ser apenas eu

e possa chorar...

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 00:35

Metades

Segunda-feira, 07.07.08

 Metade de uma rosa desfolhada

morta

que caiu da haste

metade de uma lágrima salgada

que correu do meu olhar

metade de um sorriso morto

que ficou no meu rosto

apenas por ficar

metade de um sonho que se perdeu

num momento de dor

metade de uma vida vivida

entre metades de tudo

metade de uma esperança

morta pela metade perdida

metade de um carinho feito

numa metade que dói

metade de uma saudade

que sofro na metade do coração

metade de um desejo impossível

que se perde no meio da ilusão

metade de uma miragem

na metade do deserto

da metade da inquietação

metade de um copo de água

da metade de mim que chora

metade de uma mágoa

no meio da decepção

meio ser que vive em mim

numa metade destroçada

meia alegria perdida

num completo sofrer

existem metades de tudo

num homem inteiro a morrer

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 07:46

Parabéns Amigo

Sexta-feira, 04.07.08

  

Passam 2 anos sobre o início do teu blog que hoje festeja mais um aniversário.

Podia dizer-te tanta coisa , mas quero dizer-te algumas que considero essenciais.

Primeiro dar-te os parabéns e dizer-te que durante estes 2 anos nunca nos decepcionaste, sempre deixaste aos teus leitores o melhor de ti.

Quero agradecer-te por teres partilhado com todos nós, as tuas alegrias e as tuas tristezas.

Porque ao longo deste tempo nunca foste falso ou fingido, sempre nos deste emoções reais e verdadeiras.

Nunca te escondeste por trás de uma máscara, nunca mentiste.

Travaste uma luta pela tua saúde que foste vencendo batalha a batalha.

Quando começaste este blog havia a possibilidade de não o continuares muito tempo.

Foi iniciado a dias de uma cirurgia complexa da qual saíste vitorioso.

E és hoje o testemunho claro e concreto que para Deus nada é impossível.

Tu que detestavas a internet entraste nela em Agosto de 2005 e durante este tempo cruzaste o caminho de tantas pessoas.

A tantas vidas levaste o carinho, o afago, o alento.

Quem passa na tua vida sabe o quanto a tua presença e palavras são portadoras de paz.

Não é por mero acaso que os teus leitores e amigos te chamam anjo.

E tu és um anjo.

Porque anjo não é o ser de luz que nunca pecou, inatingível na sua perfeição, anjo é o amigo que ouve, que estende as mãos , que acarinha e perdoa.

Anjo é quem não vira a cara, quem está sempre presente, quem confia, quem nunca diz não.

E nisso meu querido tu és um anjo.

Nunca conheci ninguém como tu, fiquei mais rico intelectualmente e como pessoa quando te conheci.

Sei que na internet ganhaste grandes e verdadeiros amigos.

Alguns que hoje frequentam a tua casa e a tua vida.

Também perdeste outros, mas quem passou e não ficou é porque não merecia ou não soube avaliar o ser humano inigúalável que tu és.

Uma coisa ainda eu tenho que dizer, pode não se gostar de ti, mas ninguém pode deixar de respeitar-te pela tua honestidade, lealdade e determinação.

És um lutador como nunca conheci outro, és também uma alma de luz, pura, que não se deixa macular pelo mundo que te rodeia.

Não te sei descrever, nem quero, preciso apenas dizer que te respeito e admiro incondicionalmente como ser humano.

Que se Deus te tivesse chamado a si o mundo estaria mais triste e mais pobre.

Continua a fazer da tua vida um exemplo como até hoje tem sido, um exemplo de amizade , de dignidade e de entrega.

Um dia numa conversa, disseste-me que no dia que tivesses que deixar de confiar nas pessoas , preferias morrer a ficar cá.

Sei que muitos te decepcionaram e decepcionam , incluindo eu mesmo algumas vezes.

Mas também sei que no teu coração tu acolhes e perdoas.

Agora que voltas a estar perto de mudar de vida, eu desejo que construas a família feliz que mereces ter.

Neste momento estás nas mãos de Deus que te acompanha, protege e ampara.

E mais uma vez a tua vida nos mostra que a tua fé vence todas as barreiras, que Deus te ama incondicionalmente e que de facto para Deus nada é impossível.

Que Deus te proteja meu querido amigo.

Parabéns por mais um aniversário do Sonhos Secretos.

Um abraço apertado de carinho e amizade.

 

Pedro

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 09:04

Parabéns, meu amor

Sexta-feira, 04.07.08

 

É com todo o carinho que te venho felicitar pelo aniversário do Sonhos- Secretos e pela beleza e sucesso deste espaço tão teu.

É aqui que revelas a tua alma, os teus sentimentos e emoções mais profundos. É aqui que nos ensinas a forma mais bela e autêntica de Ser e de Viver o amor.

Comemoramos todos com alegria os dois anos de existência do Sonhos-Secretos, sobretudo por nos proporcionares momentos únicos de leitura da melhor poesia actual escrita em Língua Portuguesa.

Desejo de todo o coração o maior sucesso para o teu blog. Que continues a presentear-nos com mais poesias repletas de beleza e sensualidade.

Que Deus te abençoe, meu amor

Maria Manuel

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 08:45

Para os meus amigos leitores

Sexta-feira, 04.07.08

Completa-se mais um ano de existência do Sonhos-Secretos.

É neste blog que partilho com os leitores e amigos tudo o que sou e tudo o que sinto.

Partilho os meus sonhos, esperanças, desilusões e alegrias.

Entrego-me em cada palavra, cada verso é autêntico, cada poema, um pedaço de mim.

Penso neste ano que passou e em tudo o que de bom e menos bom me trouxe. Recordo sobretudo com carinho e emoção as provas de afecto e amizade que os meus leitores me têm oferecido.

Quero, por isso, agradecer a todos os leitores, amigos e família a persistência, paciência, carinho e apoio que me têm demonstrado e que têm garantido a permanência deste blog.

Prometo que continuarei por aqui com a mesma entrega e emoção.


Um abraço com carinho e amizade para todos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 08:30


Pág. 2/2





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Caetano veloso

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes



subscrever feeds




Contador

free counter