Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



EU SOU:.......

Sábado, 30.08.08

Perguntas quem sou.Sou um ser igual a todos os outros, feito de sentimentos, de emoções, de amor e de luta.

Sou a voz do teu coração quando me pedes um conselho, sou quem te ouve e embala num abraço da alma quando necessitas. Enquanto lês as palavras que aqui te deixo, eu estou a teu lado, tentando descobrir pelo brilho do teu olhar o que o teu coração me mostra.Mais tarde, de noite quando te deitares, serei eu que ficarei a teu lado, velando o teu sono, apertando-te num abraço de coração, garantindo que o amanhã será mais bonito. Sei que muitas vezes não me compreendes, não sabes a dimensão do que sinto por ti, mas basta que tu queiras, que por um minuto esqueças de tudo, esqueças do mundo, como se nada mais contasse e me deixes chegar perto da essência do teu ser.Quero que sintas que o meu coração bate no compasso do teu e quero que tenhas a certeza de que nunca estarás sozinha. Aprende a olhar-me com os olhos do teu coração, vê também o olhar do meu, conhece-me até ao mais ínfimo de mim.Não sou anjo, sou apenas um homem, que se deixa arrastar pelas emoções, desconheço o que é certo ou errado no amor, apenas entrego-me.Rendo-me ao amor que me toma, vagueio por estrelas, pela escuridão da noite que me acolhe. Sei que desperto amores, vontades, desejos, mas eu, eu só te quero a ti e é perante ti que o meu coração fraqueja.Muitas vezes deixo que uma lágrima role solta pelo meu rosto, como gota de orvalho que cai no chão poeirento. O meu amor manifesta-se por um sorriso sincero quando estou contigo, das palavras que te dou, tiradas do mais fundo da minha alma.Todos temos a tendência para nos deixarmos levar por aparencias,por rotularmos pessoas que mal conhecemos , apenas pelo que parecem ser e assusta-me a capacidade que o ser humano tem para se deixar levar por embalagens, invólucros.É apenas no interior da alma que nascem os sentimentos, Conheci o teu coração por dentro e vi um tesouro de qualidades.Continua sempre assim. A nossa beleza está em nunca escondermos o que realmente somos. E jamais vivas de acordo com o que as pessoas acham que deverias ser.Quero que saibas sempre o quanto és especial para mim e o quanto eu te amo.Amo-te em todos os poemas que para ti deixo escritos, O amor é como uma estrela, que o dia não vê e só quem tem a coragem de enfrentar a escuridão da noite consegue ver o seu brilho.As palavras de amor que te digo saem-me directamente do coração, Muitas vezes perco-me, tentando traduzir em palavras, emoções fortíssimas como nunca antes senti, um amor que foi em tudo novo para mim e é feito de atracção, de paz, de paixão, e de ... amor.

Um amor eterno, tão especial, sincero e VERDADEIRO!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 08:02

Obrigado Betty Blue

Quarta-feira, 27.08.08

Recebi da minha querida amiga Betty Blue esta prenda especial. O Sonhos está exposto na vitrine do blog dela:

http://elizabeth.cademartori.sites.uol.com.br/home.html

Agradeço o carinho.

Um beijo minha querida amiga

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 01:02

Fazer amor

Segunda-feira, 25.08.08

 

 Fazer amor é um momento mágico

não são apenas dois corpos

torturados pelo desejo do momento

desses momentos tão comuns

que nascem de uma urgência básica

mais ou menos saciada

na calor de um momento

Fazer amor

é também partilhar a alma

uma alma que toca a outra

desvendado segredos

descobrindo mistérios

levando luz aos cantos mais escuros

sem invadir

com toda a delicadeza

A alma do ser amado

tem o resplendor do cristal

e a sua fragilidade

deve ser tocada de leve

reverentemente

como se toca a pétala orvalhada

de uma rosa

Quando se toca a alma

é que o amor começa plenamente

e as mãos deslizam no corpo

da mulher amada

como gotas de chuva morna

em pétalas delicadas de flores

a boca vai experimentando texturas

misturando gostos

registando sabores

bebendo a seiva quente

ardente

da outra boca que se oferece

Fazer amor

amor de verdade

é quase uma ressurreição

morre-se de prazer no abraço

da mulher

e ressuscita-se na intensidade

do momento

bebe-se a vida

que vibra na sede do momento

escalando os degraus celestiais

que levam ao prazer

E nesse momento vale chorar

vale gritar

porque nesse momento se chegou ao paraíso

e nesse momento qualquer som parece música de anjos

seja agudo ou suave

terá sempre o som de um trinado

único

incomparável

E no momento em que os corpos

se ajustam

e as almas matizam-se

acontece um momento sublime

de prazer e paz

de absoluta serenidade

momento inigualável

em que o casal de amantes

conhece a doçura e a calma

da própria eternidade

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 20:37

COISAS QUE ODEIO

Quarta-feira, 20.08.08

Odeio confiar nas pessoas e depois descobrir que não mereciam a minha confiança.

Odeio ser covarde e não dizer sempre o que quero.

Odeio quando me mentem e ainda mais quando tenho que mentir.

Detesto fazer quem eu amo sofrer , porque é uma pessoa que não merece sofrer.

Odeio doar-me por inteiro a alguém e depois descobrir que tudo o que fiz não foi valorizado.

Detesto descontar a minha fúria na pessoa que está por perto que geralmente não tem culpa.

Odeio quando alguém me faz uma promessa que não cumpre.

Odeio que as pessoas que adoro me decepcionem , mas detesto ainda mais decepcionar alguém.

Fico triste quando não tenho o conselho certo na hora que mo pedem.

Entristece-me não ter todas as respostas para as perguntas que me assaltam.

Sofro muito quando amo e não sou correspondido, mas sofro ainda mais quando não posso corresponder ao amor sincero de alguém.

Muitas vezes detesto não saber dizer que não.

Sinto-me impotente quando não consigo fazer o que quero.

Detesto-me quando sinto medo.

Detesto querer mudar os outros quando sei que não me consigo mudar a mim.

Sinto-me triste quando vejo tanta injustiça e não posso fazer nada para mudar isso.

Odeio quando me enganam e sofro muito quando tenho que me afastar das pessoas que amo.

Detesto quando a fúria me faz perder o controle.

Odeio ver que os sonhos morrem tão rapidamente.

Detesto quando sinto ciúme e acho que não sou amado do mesmo jeito que amo.

Odeio saber que pessoas perfeitas não existem.

Detesto quando me sinto incapaz de achar uma solução e odeio ver que às vezes também sou egoísta.

Dói-me assumir um erro e não o poder emendar.

Detesto não poder voltar atrás em decisões que tomei quando me dou conta que estavam erradas.

Odeio sentir-me dependente.

Detesto pensar e desejar tanto o futuro que não consigo viver o presente.

Odeio ter que me levantar e ser forte quando na verdade queria chorar.

Odeio sentir-me frágil e odeio ser grosseiro para esconder a fragilidade.

Detesto quando me iludem numa realidade inexistente.

Odeio parar para pensar como seria diferente a vida das pessoas que amo, se eu tivesse tomado outras decisões, ainda mais quando penso que se tivesse agido de outra forma tudo seria melhor.

Detesto ser ignorado, detesto quando a espera é longa, e detesto chorar porque tudo parece pior.

Detesto que me julguem sem me conhecerem, e detesto a minha capacidade tão injusta de julgar.

O que mais odeio no entanto, é não conseguir odiar quem merece o meu ódio e as vezes todas em que amei , quem jamais mereceu o meu amor.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 14:15

Bordado

Quarta-feira, 13.08.08

Quando eu era criança a minha mãe costumava passar algumas horas do dia a bordar.

Eu olhava para aquilo enquanto brincava e não entendia o porquê de ela gostar tanto de fazer isso.

Eu era muito pequeno e ela ficava lá sentada e o que eu via do bordado não me parecia que fosse bonito.

Eu sentava-me no tapete aos pés dela e o que via era um amontoado de linhas de cores diferentes, nós, coisas que não faziam sentido.

Ele ria para mim e dizia que fosse brincar para o jardim e eu ia, feliz, esquecido daquele emaranhado de linhas.

Que para mim e visto por baixo de facto não fazia qualquer nexo nem possuíam beleza.

Um dia em que nem do bordado me lembrava, a minha mãe chamou-me.

Para me mostrar.Retirou-o do bastidor onde o bordava e colocou estendido sobre o sofá.

Era lindo. Era uma paisagem de um lago com cisnes, arvores , nuvens, tudo fazia sentido e era tão belo.

Custava-me a acreditar que o emaranhado que eu sempre via fosse aquele bordado tão lindo.

A minha mãe com a sua habitual doçura disse-me:

Filho parecia confuso porque vias de baixo para cima, o avesso, por isso te parecia confuso.

Mas agora, olhando de cima, já podes ver e compreender o desenho. Nunca mais esqueci esse bordado da minha mãe.

Os anos passaram, eu cresci e hoje muitas vezes olho para o céu e tantas vezes indago:

-Que fazes pai?

E talvez ele não me responda porque , afinal, também ele está bordando a minha vida.

Mas depois apetece-me perguntar porque é tão confuso o desenho.

Porque existem tantos nós que magoam, porque as linhas estão tão emaranhadas.

Mas depois lembro-me do bordado da minha mãe, deixo que Deus borde tranquilo e espero. Sei que um dia ele me vai mostrar o resultado desse bordado que agora só vejo pelo avesso.

Por isso quando não entendo o que esta a acontecer na minha vida.

Quando tudo parece dar errado. Quando nada encaixa. Quando penso que jamais vou retomar o caminho da paz, eu acredito que estou apenas e ainda vendo o avesso da vida.

Que do outro lado Deus borda laboriosamente e que um dia destes vou ver o trabalho dele terminado e ai , tudo fará de novo sentido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 07:33

MeMe

Quarta-feira, 13.08.08

Recebi da minha amiga Angelica do blog http://dormiresonharoamor.zip.net/

Este selo e umas perguntas para responder.

Como acredito que todos os blogs merecem ser olhados quem quiser pegar o selo pode levar independentemente de responder às questões ou não.

 

 

Artista   que  adoro : Muitos. Seria injusto só citar um


1:  Descreva- se : Sou muito teimoso, mimado, um tanto dificil de aturar, (dizem) brincalhão e sonhador

2: O Que as pessoas acham de você?

Não sei. Não acredito que sejam frontais quando me dizem o que pensam de mim.

3: Descreva seu ultimo Relacionamento:

Todo o relacionamento é bom e perfeito enquanto dura. Depois espera-se que deixe boas recordações.

4: Descreva seu atual relacionamento:

Apaixonado, tempestuoso, mágico, terno, doce, acolhedor.

5: Onde queria estar?

Onde está o meu coração. Que é afinal onde estou...

6: O que você pensa sobre o amor?

O maior sentimento que pode unir 2 seres, o mais avassalador e o mais exigente.

7: Como é sua vida?

Como a de todos nós, momentos maus e momentos bons, sonhos e desejos, risos e lágrimas, tudo o que faz da vida aquilo que ela é.
8: Se tivesse direito a apenas um desejo...

Que o mundo fosse um paraíso para todos

9: Uma frase sábia:

Podemos escolher o que plantamos, mas somos obrigados a colher o fruto gerado pelo que semeamos.

10: Uma frase para o próximo:

Que todos confiem em Deus e lutem por tudo o que amam e desejam!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 07:28

Parabens Fatima

Sexta-feira, 08.08.08

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 01:32

Senhor...

Segunda-feira, 04.08.08

Meu Pai , rezo para que eu possa substituir

as minhas palavras por gestos, por sentido e compreensão

Que a minha alma, mantenha pura toda a imagem bela

que me é dado ver e que eu faça parte da natureza para que em comunhão com ela me recrie em cada instante.

Senhor, permiti que as minhas lágrimas sejam menos de dor e mais de felicidade.

Que todas as lágrimas choradas não sejam em vão

e que as minhas dúvidas

se transformem em certezas.

Que se eu me perder no caminho da vida

saiba voltar a estrada certa com dignidade.

Senhor ajuda-me a perder o medo, principalmente o medo de mim mesmo.

Que eu possa dormir a cada vez que a agonia me apertar a alma

e acorde mais feliz, mais crente e com mais esperança.

Que eu me consiga manter sereno

na loucura que me cerca

Que eu seja sábio

dentro do meu limitado saber humano

Que eu possa sempre continuar humilde

perante e apesar de bens terrenos

Permite-me Senhor, ser um bom pai.

Ajuda-me a ensinar o que sei

e a ter capacidade de aprender o tanto que desconheço..

Ajuda-me Senhor a respeitar incondicionalmente

todo o ser humano

Ajuda-me Senhor a curar a solidão de quem me procura

e a entender o motivo de quem me traiu.

Ajuda-me Senhor a suportar a saudade de quem eu amava

e partiu para ti.

Ajuda-me Senhor, para que eu saiba gostar

de quem não gosta de mim.

Que eu continue a amar e ser amado, mas que tenha a capacidade de amar, mesmo se o não for.

Que eu saiba acarinhar sem receber

que eu saiba dar

sem nada esperar em troca

que eu nunca ignore uma mão estendida

que eu nunca recuse ajuda a ninguém

e que nunca decepcione quem em mim confia.

E por favor Senhor

faz com que eu nunca fique só

mesmo que eu pense que quero ficar só.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 22:16

Estudantes de Direito

Segunda-feira, 04.08.08

 

Porque sou advogado e recebo montes de indirectas. Hoje resolvi brincar com os meus amigos, familiares advogados e colegas em geral.

Vamos então ver no que diferem tantos os estudantes de direito.

 

Estudante de direito NUNCA copia ou como se diz no Brasil, Nunca cola, estudante de direito faz uma compilação.

O Estudante de direito nunca dorme nas aulas, Concentra-se...

O estudante de direito não faz sexo, ele pratica conjunção carnal

O estudante de Direito nunca precisa de ajuda

apenas quer ouvir outra opinião sobre o tema em causa

O estudante de direito nunca tira uma nota ruim

apenas muitas vezes o voto dele é vencido

O estudante de direito não faz uma reclamação

ele embarga

O estudante de direito nunca esta com falta de atenção

apenas analisa a inter-relação simbiótica dos insectos a sua volta.

O estudante de direito nunca falta à Faculdade

apenas é solicitado para outros locais

O estudante de direito não faz sacanagem

pratica actos libidinosos

O estudante de direito nunca diz não entender um assunto

apenas defende a outra corrente

Um estudante de Direito não anda à toa na internet

pesquisa jurisprudência

Um estudante de direito não lê revistas duvidosas

apenas se informa de importantes acontecimentos sociais

O estudante de direito nunca é descuidado

comete incúria

O estudante de Direito não pede um favor,

intima!!!

Um estudante de direito nunca fica bêbado na rua

sociabiliza-se com a comunidade

O estudante de direito nunca erra

faz... direito

As estudantes de direito não dão um passa fora a um admirador

extinguem a tentativa sem julgamento de mérito.

o Estudante de direito nunca tem dúvidas

tem certezas

O estudante de direito não pede aumento de mesada ao pai

despacha com o responsável pelo processo

O estudante de direito não mente

faz alegações desprovidas de prova

 

 

Junto com esta brincadeira deixo o meu abraço de amizade a todos os colegas que tentam fazer da justiça que temos, algo de mais nobre e humano.

O meu abraço também a todos os estudantes de Direito , futuros colegas, que todos consigam realizar os sonhos que carregam consigo de um mundo mais adequado e mais justo

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 21:46

Confissão

Sexta-feira, 01.08.08

Preciso que a minha mulher me elogie sim

também gostamos de elogios

detesto ir às compras

mas adoro espiar o que comprou

e espero ansioso para a ver experimentar a roupa nova

Adormeço depois de fazer amor

não, porque não ame a minha mulher

mas porque está na nossa natureza, o sentir depois muito sono

Mas gosto de adormecer com o corpo dela

bem colado no meu

para sentir o cheiro de mulher

que vem do seu corpo

Adoro vê-la trocar de roupa

ver a cara preocupada dela

com o problema de manter a linha

de ter uns quilinhos a mais

que afinal nunca tem

Tento não fazer figura de desinteressado

e procuro sempre lembrar-me

da data do namoro

da data de aniversário

de todas as datas importantes para nós

tento, mas não consigo

não porque não pense nela a cada minuto

mas sou péssimo para números e datas

Então sai aquele amuo

que depois sabe tão bem desfazer

num amasso gostoso

entre os lençóis de cetim que acariciam a pele

Amo ficar preso nos seus braços

no abraço do desejo a nascer

que me deixa pronto para o prazer

Como todo o homem

o meu instinto é proteger e dar segurança

escamoteando muitas vezes o meu medo

e a minha fragilidade

indo buscar forças ao seio do amor que sinto por ela

para lhe provar que pode confiar em mim

Quando a vejo triste ou abatida

gosto de a fazer rir

de provocar a gargalhada gostosa

em que esquece os problemas

mas muitas vezes

a vontade é pegá-la no colo e embalar

até que adormeça suavemente

Adoro ver a minha mulher dormindo

sentir o leve respirar dela no meu rosto

quando trocamos um intenso beijo na boca

adoro ver o seu corpo molhado

em baixo do chuveiro

que me excita tanto

Fico feliz quando sinto que se orgulha de mim

gosto de a namorar

de jogar charme

de começar uma noite de amor

oferecendo rosas

e espalhando champanhe sobre o seu corpo nu

exposto entre os lençóis

Também sinto ciúme

um ciúme danado se ela sai à rua

com aquele decote

mas finjo que não sinto

por medo de mostrar insegurança

Gosto de fazer planos a dois

de a incluir em tudo o que gosto

e de ver que ela gosta também

Gosto de ver na minha mulher

um ligeiro sorriso malicioso

gosto dela mulher-menina

que brinca em meus braços

mas também gosto dela, mulher-amante

que se entrega

Adoro passar a mão pelos cabelos

acariciá-los, prende-los nos meus dedos

mas detesto que me peça companhia para o cabeleireiro

Gosto dos corpos tocando-se

gosto de ouvir o gemido dela

enquanto se esfrega no meu corpo

Adoro fazer sexo com ela

sabendo que ela o deseja também

Muitas vezes também quero e preciso chorar no ombro dela

mas sei que ela não contara esse momento a ninguém

Adoro quando ela me diz

que me ama pelo que eu sou

sabendo eu que tenho um monte de defeitos

Tenho ciúme dos homens que se aproximam dela

e só relaxo , infantilmente

quando ela diz que me ama

e ai eu faço aquela cara de menino safado

e digo que já sabia

Da minha mulher eu quero ser o poeta

que faz os seus poemas preferidos

quero ser o melhor amigo

e ser também o amante

Quero ver a minha mulher grávida

com a barriga crescendo

acordar de noite

para satisfazer os seus desejos

vê-la amamentar o meu filho

e ser eternamente um pai babado

Gosto de brincar com ela

quando conduz

e de dizer aquelas piadinhas

que sempre dizemos

mesmo sabendo que conduz muito bem

Não gosto que a minha mulher durma de pijama

mas se ela vestir uma lingerie de rendas

isso garante uma noite gostosa

Quero ser para ela

sempre imprevisível

não cair na rotina

mas quero ouvir muitas vezes

ela dizer que me ama

assim como eu digo muitas vezes

que a amo

Não procuro entender as razões do amor

porque são impossíveis de explicar

Tenho orgulho na inteligência da minha mulher

não me chateio quando fica indisposta

e me dá um não

sei que nunca vai usar

a velha desculpa da dor de cabeça

Não gosto quando me manda comer

e nossa, como ela o faz

e eu detesto comer

como muito pouco

Amo-a como ela é

com os seus defeitos

e todas as suas muitas qualidades

Aprecio a sua sinceridade

e a sua incapacidade de mentir

Quero que ela saiba

que mesmo sendo resmungão

mesmo magoando-a muitas vezes

eu amo-a

E não viveria sem ela!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 07:47





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Caetano veloso

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes



subscrever feeds




Contador

free counter