Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Abençoa Pai

Sexta-feira, 31.07.09

É uma bênção Divina esse amor

que os une.

Peço ao Pai Divino

que abençoe esse amor.

Que vocês saibam a cada dia

renová-lo e aumentá-lo sempre mais.

Que cada dia da vossa vida

seja vivido com alegria e com fé.

Que a Esperança se mantenha

nas horas de cansaço e de dor.

Que vocês continuem a ser um exemplo

para a fé e para o respeito.

Que continuem como até hoje

a estender a vossa mão

a quem dela carece.

Que sejam continuamente fonte

de compaixão e de harmonia.

Abençoa Pai este casal

que vive na tua fé

e na tua palavra.

Que acreditam no amor verdadeiro

e fazem deste mundo um lugar mais belo.

Que Deus vos abençoe , meus filhos.

Tende Firmeza ...

 

 

Paulo Ribeiro

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 23:49

Sempre

Quinta-feira, 30.07.09

Quero que saibas meu amor

que quando acordas

e o sol parece não brilhar,

eu estou aqui.

Se no dia a dia

te deparares com o medo

esquece-o

segura a minha mão

eu estou aqui

Eu estou aqui

quando preferes ficar em silêncio.

Estou aqui quando precisas falar

e estarei sempre aqui

quando precisares de chorar.

Na batalha da vida

feita de tentar

de perder e ganhar

sempre estarei contigo.

Se o amanhã se revelar incerto

eu serei a tua certeza.

Podem mudar os factos

os acontecimentos

e todos os argumentos

mas eu estarei aqui.

Estarei contigo quando precisares

de gritar

de chorar

ou de sorrir.

Quando o espelho nos mostrar

  a nossa idade

a aumentar

e a vida a escassear

eu estarei aqui.

Estarei aqui para te admirar

para te dizer o que és para mim

E fiel que sou à minha palavra

o tempo pode passar

a vida pode mudar

Mas para ti meu amor

sempre aqui vou estar...

Aqui vos deixo mais um texto de Gonçalo de Assis , com edição minha , Nuno Mello. E hoje para além da edição quero deixar umas palavras também. Quero dizer que foi uma honra para mim fazer a edição destes textos. Sempre se aprende ao ler o que de bom existe neste blog. Quero deixar ao Gonçalo , um mestre muito especial, os meus respeitos e o meu carinho. Segundo sei talvez e graças a Deus este seja o ultimo texto com edição minha. O Gonçalo melhorou e penso que a partir de hoje poderá ir ao pc editar os seus próprios trabalhos. Seja como for , foi uma honra esta oportunidade. Fiz o melhor que sabia. É difícil fazer a edição correcta porque o Gonçalo escreve no hospital os textos à mão que o Sr Dr Oliveira depois nos envia por fax. Muitas vezes é difícil passar o texto para aqui , porque basta uma virgula a mais para mudar o sentido totalmente. Fiz o melhor que sei e fiz com prazer. Para o Gonçalo um abraço de muita amizade e as melhoras meu querido.

A musica que toca no Sonhos , é uma dedicatória especial para ti , querido. Não te queremos ver triste. Mereces aquilo que dás e tu dás o melhor que um ser humano pode dar. Adoro-te, amigo!

 

 

Nuno Ferraz de Mello

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 09:29

Resumo

Segunda-feira, 27.07.09

No amor que sinto em ti

encontrei o meu equilíbrio

o meu ser

e a minha força.

Foi no teu abraço

que encontrei o meu mundo perdido

o meu mundo

que já era teu

mesmo quando eu ainda não sabia

Nesse mundo sempre fui livre

para ser eu.

Contigo aprendi o prazer de ser homem

pelo prazer de me dar.

Por ti desci as escadas do orgulho

que julgara intransponíveis

e deixei de lado

muitos dos meus caprichos.

Reconheci a tua soberania

num reino de amor

que é apenas nosso.

Um amor que é o ar que respiro

que aquece a minha alma

fazendo de mim aquilo que sou

reconhecendo a tua força

na minha vida.

Sem ti a vida é vazia

porque és tu quem me completa

porque não imagino noutra

essa tua capacidade

que me faz viver.

É aquilo que sinto por ti

que me faz sorrir

que traz o sol à minha vida

e é a tua ausência

uma quase sentença de morte

porque é tua

a vida que tenho comigo.

Cada vez que sorrio é por ti

porque é de ti que vem a luz

que ilumina cada um deles.

Envolvo-me da tua energia

sinto-me feliz no momento da fusão

de uma energia que sendo nossa , nos transcende

e que me mostra

o quanto dependo de ti.

Entreguei-me à vida

que nunca aceitei

e vivo-a em ti

segui os meus sonhos

porque eles te buscavam

passei noites sem dormir

para que não te perdesse

separei-me de quase tudo

para me unir a ti.

Deixei que a sorte decidisse

aquilo que não deixei à sorte

e dei da minha vida tudo o que pude

em nome do nosso amor.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 23:37

Divagações

Segunda-feira, 27.07.09

Sempre que a brisa suave toque o teu cabelo

e num gesto mais audacioso , acarinhe o teu rosto

Sente que é um carinho meu

que suavemente pedi ao vento para te levar.

Se quando saíres ao entardecer

sentires o cheiro salgado do mar

o cheiro a rosas que paira no ar

o cheiro a musgo molhado

de um Outono ainda distante

é um pouco da minha alma que vai

com o aroma da vida

para que me sintas sempre em ti

Se ao cair da noite

ouvires uma fonte jorrar

se a água cantar num riacho

será a minha gargalhada

a minha voz na madrugada

que se solta para te procurar.

E se ouvires o canto dos pássaros

os seus trinados de amor

será uma canção só nossa

uma ainda não inventada

que toca apenas nos nossos corações.

Se sentires uma lágrima de chuva

deslizar pelo teu rosto

insidiosa correr pela tua boca

é minha a lágrima que cai

uma lágrima que deslizou

e que num abraço de cristal

a brisa para ti levou.

E ao cair da noite

se eu não estiver

naquela hora em que tudo é silêncio

olha para o horizonte

ouve os passos suaves da noite a chegar

e no céu verás uma estrela

a mesma que eu vejo agora

e que te dirá que apesar de tudo

haja o que houver

eternamente te irei amar...

 Texto de Gonçalo Nuno de Assis

com edição de Nuno F. Mello

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 00:30

Obrigado Iemanja

Sábado, 25.07.09

Iemanja

tu que  és protectora dos que sofrem

que estendes a tua mão que acarinha

todos os aflitos

e abres o teu coração a todos que sofrem.

Agradeço-te Iemanja

todas as graças que me tens concedido

e agradeço-te todo o amparo

oh Rainha dos mares.

Tu que distribuis

carinho e compaixão

por todos que a ti clamam

e pedem o fim das suas dores.

Eu te agradeço Iemanja

por atenderes os meus pedidos

sempre que aflito a ti recorro.

Obrigado Iemanja

pela tua compaixão Divina

pela tua protecção carinhosa e constante

pelo teu amor a todos os que sofrem.

Imploro Iemanja

que continues abrindo o teu coração

a quem te implora ajuda.

Que a tua aura de luz

nos proteja a todos.

Concede-nos Iemanja saúde e paz

fé para crer

e alma para sentir.

Ouve a minha suplica

eu creio em tua força

e teu poder de amor.

Salvé Iemanja!!

Texto de Gonçalo de Assis com edição de Pedro Lyon de Castro

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 11:50

Para ser sincero...

Terça-feira, 21.07.09

 

Prometo a mim mesmo não mais viver o Futuro dependendo do passado.

Porque o Passado foi o que já se viveu e que não se conseguiu mudar

portanto não mais terá solução.

Os factos do Passado não mudam

eu sim posso mudar a minha forma de os ver

e de viver com eles.

Aprendi a não querer fazer o meu Futuro

porque ele sempre estará um passo na minha frente

e só posso lutar para que ele seja o melhor possível.

Mas não posso viver criando o Futuro

se não viver o Presente de forma correcta.

Aprendi a olhar-me e a ter orgulho do que sou

das qualidades que criei

aprendi a aceitar-me e a conhecer-me muito melhor.

Aprendi que cada dia da minha vida é uma bênção

uma dádiva Divina

que devo partilhar com quem amo.

Aprendi que não posso caminhar sem cair algumas vezes

mas sei que cair é o tempo exacto de que preciso

para retomar o fôlego.

Aprendi a enfrentar os desafios com coragem

e a vencer a minha insegurança

que tolhia a minha realização pessoal.

Aprendi que não posso prever o amanhã

que é apenas um dia após o outro.

Aprendi que ainda vale a pena acreditar no próximo

e que devo enterrar o ressentimento

de males já sofridos.

Acredito na Esperança

e é a ela que abro o meu coração diariamente.

Aprendi que há sempre um espaço em branco na minha alma

para novas descobertas e novas pessoas.

Aprendi que nunca serei perfeito

e desisti de encontrar alguém perfeito.

Procurarei fortalecer em mim

as minhas maiores fraquezas, evitando-as.

Não devo esperar que os outros me façam feliz

sou eu que tenho que estar feliz comigo mesmo.

E para isso basta olhar um raio de sol

o abraço de quem amo

a ternura dos amigos

uma tarde de chuva .

Todos os dias estarei disposto a aprender

a crescer um pouco mais.

Em mim mudarei apenas o que eu quiser

e o que eu quiser mudar

os outros aturem-me assim.

Agradeço a Deus por tudo que tenho de bom

e pela minha capacidade de melhorar.

Prometo que encararei a vida como um menino

que correrei por ela

sem pensar muito

até ao dia que a mão do Pai me mostre

No seio da sua casa

o que de facto aprendi.

Texto de Gonçalo de Assis com edição de Pedro Lyon de Castro

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 19:11

Gripe A

Domingo, 19.07.09

Não sou médico , nada percebo de doenças e em circunstâncias normais não abordaria aqui um assunto relativo a saúde. Acontece que esta nova gripe , segundo a OMS proveniente de uma nova estirpe do influenza já me deu cabo da paciência. Pelo ridiculo de toda a situação.Depois da guerra de nervos que foi a gripe das aves que fez com que o nosso Pais tivesse adquirido à Roche um stock de medicamentos para a combater e que ficou intocado , surge do nada uma gripe que inicialmente se dizia suína , que afinal parece que não atacou suíno algum e que se dissemina entre seres humanos. Como todos sabemos o influenza, como qualquer virus, pode sofrer mutações e provocar graves pandemias. Mas também sabemos que isso se deve a um ciclo de mutações ou seja, o virus que inicialmente apareceu nas aves jamais atacaria um ser humano. Teria que fazer uma mutação para mamíferos , que de facto poderiam ser porcos e só depois se transmitiria entre seres humanos. Este virus teve a esperteza de passar não se sabe de onde para os humanos. O engraçado é que o virus que se dizia ser suíno não infectou nenhum porco e apareceu mutado num pais como o México a milhares de quilometros de países que tinham sido atacados pelo virus da gripe aviária que daria depois lugar a um semelhante a este. Até hoje ninguém, estudou o foco, onde surgiu, como e quem foi o transmissor inicial. E por incrível coincidência, a gripe surge no ano em que a medicação que a Roche criou para combater a famosa gripe das aves chegava ao fim do prazo de validade. Mais estranho ainda, que estando o mundo a braços com uma pandemia dita perigosa , o único medicamento milagroso para a curar , o famoso Tamiflu, se vendesse aos balcões das farmácias a 25 euros a caixa sem receita médica. Mais estranho ainda se soubermos que esse Tamiflu seria, como depois se soube, totalmente ineficaz se a gripe das aves tivesse sido transmissível ao homem.Ainda mais estranho se tivermos em conta que os doentes internados com a famosa gripe A , muitos deles não são tratados com o tal Tamiflu. Eu tenho nojo da verdadeira onda de histerismo que os jornalistas criaram em torno disto. Primeiro assustaram toda a gente com o novo e mortal virus. Andaram em Portugal com uma candeia acesa em busca de infectados para noticiarem. Somavam-nos como se fosse um resultado desportivo. E quando morre a primeira pessoa na Europa fazem uma tragédia. Tenho pena que o nosso jornalismo e os nossos políticos sejam isto , meros fantoches do poder económico exterior. Cheguei a ouvir debates na TV onde alertavam e previam quantos milhares seriam infectados em Portugal e só me apetece dizer, não sejam ridiculos. Se a gripe fosse de facto grave e a quisessem conter teriam evitado o contacto dos doentes infectados com a população. Não os mandavam para casa com medidas de prevenção e nem os mantinham internados 3 dias quando o período de contágio é sete. Agora que as pessoas, já tão massacradas pelas notícias de catástrofe dessa gripe , começaram a evitar as viagens , o nosso inteligente governo descobriu que isso afectava agências de viagens e turismo e a ministra que antes morria de medo da gripe afinal agora já diz que ela se cura com um simples remédio para a febre. Tenham vergonha na cara. Não mobilizem hospitais que tanta falta nos fazem, para esta palhaçada. A gripe sazonal que vem todos os invernos mata centenas de pessoas no nosso País , mas nunca ninguém ligou , porque a Roche não tinha interesse nisso. Houve o mês passado um surto de hepatite que matou algumas crianças em Portugal e também ninguém falou. A Roche não tinha o remédio milagroso para hepatite a sair de validade nas prateleiras. A gripe A , suína ou o raio que os parta , é uma gripe benigna, muito menos infecciosa que a sazonal e que se cura sem problemas. Os casos de morte foram de pessoas que sofriam de doenças graves e estavam muito frágeis e essas mortes ocorrem com todas as gripes. Não se sabe de facto, que pode acontecer se no inverno uma pessoa se infectar com o H1N1 e com o influenza da gripe sazonal. Poderão sofrer mutações ou até gerarem uma estirpe mais forte do virus que poderá provocar uma pandemia perigosa. Mas isso é uma mera hipótese. O que há a fazer é tomar as precauções normais que se tomam em caso de gripe. Em pessoas saudáveis a gripe A não tem qualquer gravidade. Devem claro consultar o médico e tomar medicação como em qualquer gripe. Qualquer gripe mal curada mata. Vamos parar com este monte de mentiras , de histerismo colectivo. Estamos perante uma gripe normalissima . Que Deus proteja todos e desejo a todos umas excelentes férias se for caso disso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 00:07

Parabéns minha filha

Sábado, 18.07.09

Parabéns minha filha

pelo teu oitavo aniversário.

Parabéns meu anjo por cada sorriso

por cada beijo

por cada abraço

por cada raio de sol

que fazes nascer na minha alma.

és um pequeno pedaço de mim

um pouco do meu sangue

és a minha promessa de imortalidade

de vida para além da vida.

És o meu presente de Deus

a razão de muitos dos meus sonhos

amo-te minha filha.

Espero que nesse livro quase em branco

onde se vai escrevendo a tua vida

escrevas com pétalas de rosas

muitos caminhos de felicidade

muitos momentos de alegria

e horas de paz plena.

Amo-te meu anjo pequenino

e neste dia em que celebramos o teu aniversário

eu quero desejar-te meu amor

que concretizes todos os teus sonhos

as tuas pequenas fantasias

e que o teu sorriso seja uma fonte plena de alegria.

Feliz aniversário meu amor.

Que o Pai te abençoe minha filha querida.

Amo-te muito meu amor pequenino

pedaço tão grande da minha alma.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 00:09

Ame Bonito

Quinta-feira, 16.07.09

Gostar de alguém é muito fácil

tão facil que nem paramos para pensar

nos cambiantes desse gostar.

Mas é preciso fazer do amor que sentimos pelo outro

um amor bonito.

Amar de um jeito bonito

é uma forma dificil de amar

quase uma arte

que tem que ser aprendida.

Existem muitos amores

amores fortes , indomados , intensos

cheios de entrega e de dádiva pessoal

mas que se confrontam na dificil tarefa de se tornarem bonitos.

Amores intensos , eternos

muitas vezes balançam

porque não sabem simplesmente ser bonitos.

Cobram, rotinizam , exigem , reclamam

deixam de tentar entender o outro

vivem de razões

e ter razão é a pior coisa no amor.

Porque quem tem razão

sente-se sempre no direito e tem-no

de exigir, de querer ser ouvido

atendido e obedecido

mas esquece

que o sem razão

talvez esteja a atravessar um momento na vida

no qual precise não ter razão

ou tenha razões que não cabem na razão comum.

Se ama

não queira nunca ter razão

ter razão é um perigo

empobrece o amor

porque sempre ter razão

é invocado como algo justo

e quase sempre na hora errada.

Saber amar de um jeito bonito

é saber escolher a hora de ter razão

e de usar a razão.

Quando amamos

devemos tirar de todas as emoções

até da sem razão

a maior ternura e beleza possíveis.

Os cheios de razão

esperam do amor

aquilo que a razão lhes ensina a esperar

quando talvez devessemos esperar

actos de sem razão

porque não há razão no amor.

Quem busca razão , sofre

e ao sofrer

torna o amor menos bonito.

Procurar razões é prender a criança que existe em nós

e sem soltar essa parte de nós

nenhum amor é bonito.

Não devemos temer a infantilidade

devemos derrubar os muros da opinião alheia.

Para quem ama

toda a atenção é sempre pouca.

Quem se enche de razões não entende

que muitas vezes a pouca atenção

é toda a atenção possível.

Quem ama bonito

não gasta a atenção que lhe é dada

cobrando a atenção que não teve.

Não devemos criar teorias sobre o amor

devemos apenas amar.

No amor não devemos ter medo

do que tememos

não devemos ter medo de sofrer

porque ter esse medo

é já sofrer.

Não faça em nome do amor

jogadas, golpes de esperteza

não tenha atitudes sabidamente eficazes

no amor não é sábio ter essas espertezas

devemos ser apenas nós

na pureza das emoções e medos

tudo aquilo que a vida nos ensinou a não ser.
Se nos amarmos o suficiente para sermos capazes de gostar do amor, poderemos começar a tentar fazer o outro feliz.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:49

Perdoa-me Pai

Quarta-feira, 15.07.09

Pai Perdoa-me

Pai perdoa-me todas as vezes que parecia escutar-te

Mas que a minha indiferença não me deixava ouvir o que me dizias.

Pai perdoa-me as minhas palavras tantas vezes impensadas

O meu pouco tempo contigo

Pai perdoa-me a falta de paciência

Quando me queres aconselhar nos estudos

Pai perdoa-me por tantas vezes te julgar antiquado

Pai perdoa-me por tantas vezes ter ignorado a tua vasta

 experiência de vida

Perdoa-me Pai , tantas vezes ter preferido ficar com os amigos

Em vez de ficar contigo

Perdoa-me Pai

Todas as vezes que me convidaste para jogar ténis e recusei

Porque achava que o que tinha para fazer era mais importante

Perdoa-me meu Pai

Pelas vezes que fiquei impávido perante as tuas dores

Pai Perdoa-me todas as vezes que não te respondi

Com o respeito que mereces

Perdoa-me Pai

Os abraços que não dei

Os beijos apressados

O carinho adiado

Perdoa-me meu Pai

Por não ter reconhecido em ti

Todos os valores de Cristo

Abençoa-me meu Pai querido

Marco António Batista

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 17:20


Pág. 1/2





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Deus Cuida de Mim

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes



subscrever feeds



Quem Nos Visita



Contador

contador de visitas