Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Estou aqui, meu amor...

Domingo, 11.10.09

Chego de mansinho, sem fazer barulho

Sento-me pertinho de ti

Seguro as tuas mãos, muito suavemente

Acaricio-as, beijo os teus dedos

Ouço a tua respiração tranquila

Olho o teu rosto de menino

que dorme com sonhos de paz

Estou contigo, meu amor

Nas longas madrugadas

No amanhecer de sol

No entardecer cansado

Estou contigo, amor

nas horas em que não me esperas

e te ausentas, num mundo apenas teu

e eu espero por ti

Estou contigo, amor

Quando o sorriso ilumina o teu rosto

E os dias se enchem de esperança

O teu olhar reflecte o amor do coração

e a beleza da tua alma

Estou contigo, amor

nas noites de dor, de desespero

onde o grito ecoa dentro de mim

e choro as tuas lágrimas e as minhas

que são mar ao amanhecer

Devagar e suavemente abres os teus olhos

Acordas lentamente e um sorriso desenha-se nos teus lábios

Digo-te que te amo, mais que tudo na vida

e tu sabes, amor

Não importa a distância, nem o tempo

nem a saudade sequer

Eu estarei agora e sempre

contigo, pertinho de ti

e tu, meu amor, serás eternamente uma parte de mim

 

 

Maria Manuel Batista

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 14:42

Abençoa-nos Pai

Quinta-feira, 08.10.09

Pai

derrama sobre nós

e todas as famílias do mundo

o teu espírito de amor

e com ele todas as bênçãos necessárias

para que a nossa fé se fortaleça

e as famílias se unifiquem.

Que cada família saiba , Pai

cumprir a sua missão aqui

respeitando a tua vontade

e o teu desejo para todos nós.

Que as famílias sejam na verdade

imagens de amor e união

na sua capacidade de acção

de se tornar una

e de uma fé comum.

Abençoa-nos Pai

para que a minha família

e todas as famílias do mundo

saibam

e lutem

para trazer o Céu à Terra

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:52

Amo-te e apetece-me dizê-lo

Quarta-feira, 07.10.09

Meu amor , perante uma página branca só me apetece dizer que te amo. Hoje foi um dia importante para ti , para nós, não podendo estar presente fisicamente , sabes que estive contigo de coração. Apetece-me registar aqui o quanto te amo e admiro. Admiro a mulher forte e especial que tu és. Neste tempo em que fisicamente nos afastamos nem um minuto só deixei de sentir a tua presença. Tenho o maior orgulho em ti meu amor e a aragem traz hoje um cheiro delicioso ao reencontro e ao beijo que nos queima os lábios. Tenho saudades de ti , muitas , talvez porque esta tarde não falamos , porque te amo muito , porque me és essencial. Este afastamento foi um teste ao amor que nos une e à força da nossa cumplicidade. Agora que estou quase a retornar aos teus braços e a este amor intenso , quero dizer-te que a saudade só me fortaleceu. Que o estar afastado para além do bem que trouxe à nossa vida a nível particular , também me mostrou que és única na minha vida e que não sei viver sem ti. Penso que sem ti a minha vida perderia a cor e o encanto. Sei que estou a fugir à linha do blog , mas este é um espaço nosso , de nós dois e também é poesia dizer que te amo. É poesia dizer que brevemente estaremos de novo juntos e que espero nunca mais por motivo algum ausentar-me do teu abraço. Quero dizer que és a mulher da minha vida. E que o abraço que não te posso dar hoje pessoalmente , to dou com a minha alma e o meu coração. Daqui a pouco vamos falar , namorar , rir , espantar a saudade. Mas agora e publicamente deixa-me dizer-te que te amo muito , profundamente , apaixonadamente e com todo o orgulho do mundo. Até já meu amor. Um beijo com muito amor.

 

Gonçalo Nuno de Assis

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 19:17

Aqueles que não partem

Terça-feira, 06.10.09

Pessoas que nunca partem

que vivem , eternas

no nosso coração

bocados da nossa alma

tocados pela luz da saudade

tão longe da nossa mão.

Pessoas que nunca partem

que vivem dentro  de nós

num sótão do pensamento

onde ficam eternamente

com sabor a um só momento.

Pessoas que nunca partem

que ferem , que matam , que calam

mas continuam a ficar

escondidas num lamento

que é frágil, leva-o o vento

mas que nunca as irá levar.

Pessoas que nunca partem

que fazem parte do que somos

pessoas que um dia amamos

que partiram desta vida

numa longa despedida

que nunca o chegou a ser

porque ficaram aqui

em nosso peito guardadas

e quem vive na nossa alma

não , nunca chega a morrer

Texto de Gonçalo Nuno de Assis com Edição de Nuno Mello 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 23:39

Regras de Ouro para a convivência saudável

Sábado, 03.10.09

Tudo o que desejas que os outros façam por ti, fá-lo também por eles.

Nunca devemos fazer aos outros o que não queremos que nos façam.

Existem 5 formas de um governante saber governar com justiça. Deve governar com educação, generosidade, benevolência, sabedoria e humanidade. Principalmente jamais deverá esquecer de dar aos outros o que deles espera receber e honrar sempre a palavra dada.

Nunca devemos dizer aos outros , algo que se nos fosse dito a nós , nos humilharia.

Ninguém se pode dizer filho de Deus , até saber amar como ele ama.

Devemos julgar os outros com a mesma lei e justiça com que nos julgamos a nós mesmos.

Em todas as circunstancias da vida devemos olhar os outros como a nós mesmos nos olhamos.

A natureza é amiga do homem , sempre que ele não faça algo que a ele mesmo o prejudique.

Devemos aprender a sentir a dor alheia como se fosse nossa , para que na nossa dor , não sejamos apenas seguidos pela solidão.

Nunca devemos dizer dos outros , aquilo que não toleramos que digam de nós.

Texto de Gonçalo Nuno de Assis com edição de Nuno Mello

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 00:48

Permite Pai

Quinta-feira, 01.10.09

 

Meu Pai

sei que sou muito pequeno

perante a vontade

e a grandeza dos teus pensamentos.

Dentro da minha fragilidade faço o que posso

queria ser mais

mas não o sei e não o consigo.

Se me sonhaste como árvore grande e frondosa

e sou apenas mero arbusto

ainda assim deixa que a minha sombra cubra alguém.

Se eu não puder ser o mar que sonhaste

deixa que eu seja um pequeno riacho

e permite que ainda assim eu mate a sede aos caminhantes.

Se eu não sei ser o templo maravilhoso que ansiavas

deixa que eu seja a mais humilde capela

mas que ainda assim

te possam reconhecer no meu amor por ti.

Se eu não soube ser a estrada que leva a ti

que eu seja um caminho ainda que tacanho

de revelar aos outros o teu amor.

Se o meu amor por ti e pelo próximo

não floresceu qual rosa no seio da minha alma

deixa que seja apenas a folhinha verde que desponta

e que ainda assim reflicta a tua beleza.

Se eu nunca pude ser a luz

que sonhaste para iluminar a escuridão

permite Pai

que eu seja apenas o reflexo da tua luz

e ainda assim

eu possa iluminar quem caminha nas trevas.

Se eu não consegui ser um símbolo de amor

do teu amor por todos nós

que eu saiba ao menos com meus gestos

ensinar respeito e amizade.

Permite meu Pai

que eu possa ser útil aos outros

para que a minha vida não tenha passado em vão

e que eu seja uma ínfima migalha do teu sonho

e um pequeno raio de luz

do teu sorriso.

Texto de Gonçalo Nuno de Assis com Edição de Nuno Ferraz de Mello

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 23:50


Pág. 2/2





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Caetano veloso

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes



subscrever feeds




Contador

free counter