Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Nunca Desista de Ser Vc Mesmo

Domingo, 24.01.10

 

Temos a necessidade compulsiva de deixarmos sobre o outro a culpa da nossa própria incapacidade e esquecemos que para sermos ouvidos temos que falar, que para que nos compreendam temos que expor com racionalismo as nossas ideias, e sem nunca abdicarmos do que nos faz bem ,somente para fazermos a vontade aos outros.

Devemos procurar a nossa felicidade antes do nosso sucesso, a nossa felicidade antes do dinheiro ou da vontade alheia, fazer o que nos dá prazer , antes de querer obter a aprovação dos outros e fazer bem feito , antes de exigir reciprocidade.

Nenhuma aprovação alheia substitui o prazer de sermos nós mesmos.

Ser sempre certinho, é praticar acções que não queremos , com uma moral que nós não temos, para mostrar às pessoas que não nos aceitam como somos , virtudes que nós não temos.

Ser feliz é ter a alma livre de espinhos e sorrir genuinamente.

Devemos ser como somos , sem nos preocuparmos em ser aceites por todos ,errando as vezes que forem necessárias até termos descoberto as nossas próprias verdades.

Quando sentirmos que já fizemos o melhor que sabíamos e que fomos até além dos nossos limites, devemos parar e constatar se não estamos apenas a ser teimosos.

Para sempre podermos recomeçar , temos que aceitar os nossos erros e derrotas, sem nunca nos deixarmos abater porque não fomos como o desenho que de nós fizeram.

Nunca nos devemos deixar iludir pensando que é possível agradar sempre a todos , ou mudar erros num dia só, mas devemos sonhar para nos mantermos motivados por tudo o que desejamos.

Devemos ser sempre o que somos , sonhar grande , mesmo que só possamos fazer pequeno , andar em passos curtos ainda que o percurso seja grande e nunca desistir.

Porque são as pequenas gotas de chuva , persistentes e teimosas que dão vida aos imensos Oceanos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 22:07


5 comentários

De Paulo Ribeiro a 25.01.2010 às 17:32

Li o teu texto várias vezes e de todas elas o entendi de diferentes formas.

De facto não se agrada a todos e para além da moral generalista existe um próprio tribunal interior , a nossa consciência
Confesso que te dou alguma razão , não vale a pena mostrarmos aos outros o que não somos , para que nos aplaudam.
Não temos que agradar o próximo mas a nós mesmos , porque somos nós que nos acompanhamos toda uma vida.
Desde que a nossa conduta não prejudique os outros , eu reconheço a cada um o direito a ser feliz , verdadeiro e a viver da forma que mais o aproxime de si mesmo.
Um abraço

De Miguel a 25.01.2010 às 19:32


Oi querido, li seu texto e de repente me peguei com tanta saudade de vc.
Saudade do nosso café ao final da tarde, quando juntos víamos o sol se pondo no mar e vc murmurava para mim que era o abraço do céu à terra.
Vc ficava lá contemplando , de olhar perdido , eu saia, e quando voltava ainda te achava de olhar preso no ocaso.
Sinto saudade de vc , de seu carinho e entendo também seu texto.
Nunca ninguém agrada a todos e nunca nos devemos anular para agradar seja quem for.
Não vale a pena.
E desejo que na sua vida vc sempre encontre o abraço que ampara, aquele bem forte que não deixa cair.
Que encontre a palavra amiga , o sorriso certo , que encontre compreensão para as suas falhas e perdão para seus erros.
Que encontre tudo aquilo que vc sempre deu e ainda lembro seu abraço de perdão a quem te feria e suas palavras carinhosas, "não faz mal , deixa para lá... "
Que vc tenha a capacidade de se amar, embora não esquecendo de amar os outros.
E pense na frase que vc tanta vez me disse.
" Quem faz vc chorar não merece suas lágrimas, porque quem as merece jamais faria vc chorar".
Que Deus te faça muito feliz.
Aquele abraço de sempre...

De Leonor Telles a 25.01.2010 às 19:43


Meu filho , nunca acredites em algo só porque alguém te disse ser correcto.
Nunca lutes por algo só porque todos acham bem que se cultive.

Não acredites em algo simplesmente porque ficou registado em livros , tratados ou porque filosofos o defendem.
Nunca acredites em algo só porque os Mestres dizem ser verdade , porque os professores to ensinaram.
Não te prendas em tradições com que discordas só porque as perpetuaram.
Analisa-te , observa-te e quando encontrares a formula da tua felicidade,, se ela não chocar com a razão , nem com a liberdade dos outros , aceita-a e vive-a.

Um beijo com muito carinho

De Carla Lamas a 25.01.2010 às 22:28

Nem sempre a verdade , o exemplo e a honra nos fazem felizes, Gonçalo.
E eu pergunto-me de que valem tantos valores numa vida tão curta, de que vale passar pela vida sem a viver.
Do bem e do mal
Todos tem seu encanto: os santos e os corruptos.
Não há coisa na vida inteiramente má.
Tu dizes que a verdade produz frutos...
Já viste as flores que a mentira dá?

De Iris a 25.01.2010 às 23:02

Oi querido.
Li seu texto e reflecti antes de o comentar.
Geralmente se fala que a moral , a que engloba todas as virtudes é um jeito de louvar a Deus.
E eu não posso acreditar num Deus que exige ser louvado todo tempo.
Eu acredito num Deus que ama sua criação e a quer ver feliz.
Com erros , com acertos, se o erro fosse tão mau assim , ele não nos seria dado a provar.
Para mim o erro é uma forma de aprendizado.
Viver se limitando pela consciência pode ser bom e mau.
Se vc reparar bem , às vezes é a nossa consciência que serve de desculpa para não fazer e isso só nos torna covardes.
A chave de ouro para o comportamento humano penso eu , é aceitar o outro tal como é.
Porque cada ser humano só tem a capacidade de ver a SUA verdade e ainda assim parcelada mente.
E ainda assim cometemos erros e é saudável que se comentam , porque  para aceitarmos muitas vezes a realidade que nos é dada , só mesmo fazendo nascer pequenas loucuras.
Só vivendo num patamar meio louco se evita a queda a pique.
E não se preocupe não , quando não for compreendido , quando não for aceite , quando não for o que querem que vc seja.
E sabe porquê?
Porque  quando um verdadeiro génio se mostra ao mundo reconhece-se logo da seguinte maneira: todos os idiotas se juntam e conspiram contra ele..
Um beijo com saudade.

 

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Caetano veloso

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes






Contador

free counter