Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Só Peço Um Minuto

Segunda-feira, 26.07.10

 

Às vezes preciso de um pouquinho de tempo , um minuto apenas , para poder olvidar o peso do mundo , que sinto sobre os meus ombros.

Um tempo só meu , para ficar quieto , um tempo em que nada me perguntem , em que nada me peçam ou cobrem , um minuto em que me seja permitido chorar livremente , todas aquelas lágrimas que engulo em forma de sorrisos , e que mesclo com a minha máscara de sabedoria e tranquilidade .

Por um minuto quero ser criança e deixar que o vento leve as minhas lágrimas , sob a bênção calma do azul do céu , ate que o sol venha e me beije , devolvendo-me o equilíbrio de que necessito para ter a minha paz .

Quero ser de novo menino e esconder-me no sótão , e esperar que me procurem e me abracem depois de me encontrarem, ainda que zangados pelo meu gesto impensado .

Quero sentir a esperança do adolescente em cada novo dia , quero esperar o amanhã num misto de medo e de alegria e esquecer que tudo já foi escolhido e traçado para mim, não sentir a alma aprisionada por tudo o que não ousei e fingir que desconheço o que há ainda a fazer e a realizar .

Quero por um minuto procurar os meus sonhos , sem os ver concretizados nas aspirações do dever , e coloridos com a cor da permissão , quero agarrar a minha vida como se fosse barro de moldar e dar forma às minhas utopias , enterrar nelas os meus dedos sujos de sonhos , até decidir que não ficaram bem e destrui-las amassando-as nas mãos fechadas .

Quero ter abraços também quando erro e sorrisos quando parece que tudo está mal , não quero sentir que o abraço é prémio por um comportamento exemplar , quero um ombro para onde fugir após o erro e um abraço silencioso , sem condenação , apenas o carinho que vem da compreensão .

Quero poder mostrar toda a minha dor , deixar que me invada , porque ela é real , não fruto de mimo ou de momento , e que ela seja ouvida e compreendida , mesmo que quem me ouve não aceite e não saiba lidar com ela , nem a possa jamais atenuar .

Quero apenas um minuto em que possa gritar  quando dói , sem ter que esconder , e que possa ser ouvido sem sustos e sem causar uma revolução em quem me rodeia , como se a dor me fosse vetada .

Depois desse minuto tudo vai parecer de novo normal , igual , eu sei e vou limpar os olhos e voltar para a luta de novo , e a dor também ressurgira ciclicamente , mas é o sentido da vida .

Então por favor, concedam-me um minuto apenas , um bocadinho pequenino , em que eu possa ser só humano , criança , assustado e frágil , que eu possa ser igual ao resto do mundo , e sem causar alarmismo , pânico ou remorsos , eu possa simplesmente chorar ...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:33


1 comentário

De Michael a 26.07.2010 às 19:16


Não é fácil conviver com alguém com a tua sensibilidade. às vezes creio que porque nos dás muito , nós exigimos sempre mais . Talvez seja egoísmo ou desejo de conseguir de ti uma perfeição que nunca teremos . No entanto somos teus amigos tanto no erro quanto nos actos altruístas . Às vezes podemos pensar que sabemos o melhor para ti , acredito que não e tenho a noção que de tanto te querermos proteger também te sufocamos . Sei apenas que eu e todos os teus familiares, amigos e todos que te querem bem , agimos da melhor forma que sabemos , por certo não isenta de erro . Entendo o teu grito de liberdade e tudo farei sempre por ti , mas nunca compactuarei com os teus erros ainda que os compreenda e até os aceite , ser amigo não é compactuar no erro , é ajudar a sair dele . Todos gostamos imensamente de ti e por isso somos muito chatos , eu sei . Mas uma coisa é certa , sempre gostaremos de ti seja qual for a circunstancia . És um ser humano incrível , maravilhoso que respeitamos muito e outras vezes és também um garoto sem juízo nenhum e em todos os casos estamos contigo . Quanto a chorar , tens todo o direito à tua dor , seja aceite ou não , mas não nos podes impedir de nos preocuparmos . Um amigo de verdade não é o que tenta sufocar as tuas lágrimas impedindo-te de sentir , amigos são os que se preocupam e choram contigo .
Um abraço

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Deus Cuida de Mim

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes





Quem Nos Visita



Contador

contador de visitas