Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Ser Perfeito e Justo

Quarta-feira, 18.02.15

VirtudeeHonra.jpg Fala-se dos trabalhos justos e perfeitos que se esperam e se exigem aos maçons. Aqui vai uma lista de itens que tornam um maçom justo e perfeito , porque o facto de ser maçom , só por si não torna ninguém justo e muito menos perfeito. É preciso aceitar regras e dobrar a elas a nossa humana vontade.

Um maçom é Justo e perfeito quando:

1.  Sobe a Escada de Jacó pelas Iniciações da Vida sem ferir os Irmãos neste percurso.

2. Realiza o sonho de desbastar pelo pensamento e pelas acções as arestas dos vícios e da insensatez

3.  Socorre o Irmão nas dificuldades, chora com ele as suas angústias e sabe comemorar a seu lado as suas vitórias.

4.  Reconhece nas viúvas e nos órfãos a continuidade do Irmão que partiu para o Oriente Eterno.

5.  Vê na filha do Irmão a sua filha e na esposa do Irmão, uma Irmã, Mãe ou Filha.

6. Combate o fanatismo e a superstição sem o açoite da guerra, mas com a insistência da palavra sã.

7. É  modelo da eterna e universal justiça para que todos possam concorrer para a felicidade comum.

8. Sabe conservar o bom senso e a calma quando outros o acusam e o caluniam.

9. É  capaz de apostar na sua coragem para servir aqueles que o ladeiam, mesmo que lhe falte o próprio sustento.

10. Sendo religioso e político respeita  o direito da religião do outro e da política oposta à sua.

11. Sabe falar ao povo com dignidade ou de estar com reis e presidentes em palácios sumptuosos e conservar-se o mesmo.

12. Permite e facilita o desenvolvimento pleno das concorrências para que todos tenham as mesmas oportunidades.

13. Sabe  mostrar ao mundo que a nossa Ordem não é uma Sociedade de Auxílios Mútuos, onde apenas se dá, com a certeza de ir receber o dobro.

14. Dominado pelo princípio maior da TOLERÂNCIA suporta as rivalidades sem participar de guerras.

15. Abre-se para si e permite que outros, vendo-o, sigam-no no Caminho do Conhecimento e da Iniciação.

16. Conforma-se com as suas posses sem depositar inveja nos mais abastados.

17. Absorve o sacerdócio do Iniciado pela fé no Criador, pela esperança no melhoramento do homem e pela caridade que abrir-se-á em cada coração.

18. Sente a realidade da vida nos Sagrados Símbolos da Instituição.

19. Exalta tudo o que une e repudia tudo o que divide.

20. É Obreiro de paz e união, trabalhando com afinco para manter o equilíbrio exato entre a razão e o coração.

21. Promove o bem e exercita a beneficência, sem proclamar-se doador.

22. Luta  pela FRATERNIDADE, pratica  a TOLERÂNCIA e cultiva-se integrado numa só família, cujos membros estejam envoltos pelo AMOR.

23.  Procura  inteirar-se da verdade antes de arremeter-se com ferocidade contra aqueles que julga opositores ou em erro.

24. Esquiva-se das falsidades, das mentiras grosseiras e das bajulações humanas.

25. Propõe-se sempre a ajudar, amar, proteger, defender e ensinar a todos os Irmãos que necessitem, sem procurar inteirar-se do seu Rito, da sua Obediência, da sua Religião ou do seu Partido Político.

26. É  bom, leal, generoso e feliz, ama  a Deus sem temor ao castigo ou por interesse á recompensa.

27.  .Mantém-se humilde no instante da doação e grandioso quando necessitar receber.

28. Aprimora-se moralmente e aperfeiçoa o seu espírito para poder unir-se aos seus semelhantes com laços fraternais.

29. Sabe ser aluno de uma Escola de Virtudes, de Amor, de Lealdade, de Justiça, de Liberdade e de Tolerância.

30 Busca  a Verdade onde ela se encontre e por mais dura que possa parecer.

31. Permanece livre respeitando os limites que separam a liberdade do outro.

32. Sabe usar a Lei na mão esquerda, a Espada na mão direita e o Perdão à frente de ambas.

33. Procura amar o próximo, mesmo que ele esteja distante, como se fosse a si mesmo.

Ser Maçom não é fácil , é um eterno aprendizado , é uma vontade de ser justo , de ter a consciência do outro , de entender o outro antes de entender a sua própria vontade e as suas particulares verdades.

Ser Maçom é despir-se de vontades egoístas de um egocentrismo que leve a pensar primeiro no "eu " , é deixar de lado os caprichos , as vitimizações , e as verdades que assentam nas nossas vontades , deixando de nos ver a nós mesmos como o centro do mundo.

Aprender a deixar de querer que os outros entendam e compreendam a nossa necessidade de satisfação pessoal e sobretudo aprender a colocarmo-nos no lugar dos outros , não no lugar dos seus caprichos e mesquinhices , mas no lugar da sua essência e dignidade.

E acima de tudo aprender a aproveitar o que nos é dado para não corrermos o risco de perdermos o que temos , por ambicionar no tempo errado aquilo a que um dia teremos direito.

E aprender também a agradecer aquilo que os outros nos dão de si mesmos , sem fazer regras ou exigências cimentadas naquilo que na nossa mera visão humana achamos o certo.

Que não se gaste algo tão Divino e maravilhoso quanto a vida , com birras inuteis , com medos absurdos ou com o desejo imediato de coisas que só o tempo nos dará.

Antes de procurarmos conhecimentos utópicos , devemos iniciar o nosso conhecimento por nós mesmos , pelo conhecimento e submissão de nós mesmos e das nossas vontades , quando elas assentam em desejos básicos e pequenos.

Que todos saibamos crescer , primeiro dentro de nós mesmos e só depois no espaço exterior.

A verdadeira senda do conhecimento inicia-se dentro de nós mesmos.

Maom.gif

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:01


1 comentário

De Carlos Olveira a 18.02.2015 às 18:15

De verdade ser Maçom não é para todos. Exige um crescimento ético , espiritual e humano que por vezes assusta. Não é fácil despir as roupas profanas e ficar "nu" perante Deus. Não é fácil ultrapassar a mesquinhez que é característica dos humanos , mas quando se consegue , então se sente a aliança sagrada com a vida e com o criador.
TAF

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Deus Cuida de Mim

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes





Quem Nos Visita



Contador

contador de visitas