Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A Praga do Talvez

Terça-feira, 07.04.15

frase-talvez-eu-seja-enganado-inumeras-vezes-mas-n

 

Na minha vida nunca gostei de coisas mornas e muito menos de um quase... ou de um talvez ... O Talvez , pior que o quase soa a tumulo que enterra o que com uma certeza, poderia ter sido e não foi. O talvez mata , destrói , faz muito pior que o quase, embora o quase seja um adiamento indefinido de um sonho, de um projecto. O quase é ficar no limite de algo que a coragem não fez acontecer. Quem quase viajou já não viaja, quem quase trabalhou , não trabalha. O quase é responsável pelas coisas que podiam ter acontecido e não aconteceram, pelas oportunidades que nos escapam pelos dedos, das oportunidades que se perdem por mentiras e por medos, das coisas que por um motivo qualquer não se chegaram a viver.

Nunca fui capaz de compactuar com uma vida morna, contesto isso até aos limites. A vida morna vive da incapacidade de confiar nos outros , ou até mesmo de dizer a verdade, vive nos sorrisos mortos, na indiferença com que se fala aquilo que devia ser prioritário e dito de forma sincera. Para se ser feliz há que deixar de lado a covardia, e sentir com o coração. Nada na nossa vida se sente impunemente, a paixão queima, o amor enlouquece , o desejo inebria. Por isso sempre optei por sentir , por viver, por não deixar que a dor viva em vez da alegria. Se e vida fosse morna , o mar não teria ondas, os dias não teriam sol e o mundo seria cinza. A vida morna não cativa , não inspira , não dá animo , nem acalma. A vida morna é um ampliar do vazio.

Não acredito na velha máxima que diz que a fé move montanhas, claro que com fé ou sem fé , elas vão continuar lá. Para contornar as dificuldades , aprendi que a melhor arma é a paciência. Ainda assim não entendo as pessoas que preferem uma derrota prévia , à luta pela vitória, acho que não podem sequer merece-la. Aprendi que para todos os erros há perdão, aprendi que para todos os fracassos há sempre uma nova oportunidade, e para o nosso próprio crescimento há sempre o tempo De nada adianta cercar um coração para o deixar vazio ou proteger a alma para a economizar. Tudo na vida requer emoção , calor, nunca devemos deixar que a saudade sufoque, que o medo impeça, e a coragem falte. Não acredito no destino, acredito na minha força de concretizar. Uso o meu tempo para realizar , planear e construir. Não acredito em vidas mornas, talvez porque sei que o quase e o talvez , é o mesmo que coisa nenhuma.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 13:03


1 comentário

De Maria Manuel Batista a 08.04.2015 às 10:42

Talvez por isso amor, nos tenhamos aproximado, compreendido e amado. E que esse tenha sido o nosso único talvez num amor eterno e certo. Amo-te muito meu amor querido.

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Deus Cuida de Mim

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa


Mural do Sonhos



comentários recentes





Quem Nos Visita



Contador

contador de visitas