Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Parabéns Inês

Sábado, 23.06.18

mensagem-aniversario-500x281.jpg

 Para a Inês a minha sobrinha que é uma menina muito especia desejo um feliz aniversário , repleto de surpresas e muita alegria.

És um ser humano especial.

Beijinhos do tio que te ama

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 09:01

Parabéns

Sexta-feira, 02.02.18

27459537_1052131841596677_4048217142880693372_n.jp

Usando esta foto fabulosa que a minha sobrinha Inês usou no Facebook para dar os parabéns à mãe e que é uma foto tão importante para nós porque marca um dia que foi um marco especial na vida da Clarisse. Que claro é algo apenas do foro familiar.

Desejo à minha irmã querida um dia muito feliz coberto das glórias de Deus e na companhia de quem ama e por quem é amada.

Que Deus te proteja sempre, Parabens. Beijinhos

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 12:07

Feliz Natal

Sábado, 23.12.17

_79064662_hardingstudio002.jpg

 Em meu nome e em nome da G.O.L desejo a todos os irmãos um Natal feliz e repleto de paz. Que o Solsticio de Inverno traga a todos momentos de reflexão , de paz interior , de encontro com o seu eu superior e sobretudo que não nos esqueçamos nunca do real sentido da vida.

T.A. F

templarios-divisa-nonnobisdomine.gif

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:45

Sangue que corre nas minhas veias

Quarta-feira, 08.11.17

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:10

Colorindo dias de cinza...

Quarta-feira, 08.11.17

there__s_blood_on_my_hands___by_northtoalaska-d4u9

Há sangue que se derrama devagar escoando das veias as promessas não cumpridas. Lágrimas de vida que se vão lentamente colorindo sonhos cinza de um Outono por acabar. Há pedaços de vida que vão colorir as imagens nubladas de uma realidade exigida tão dificil de acatar... Há momentos ...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:50

O TEMPO

Domingo, 01.10.17

nada-dura-para-sempre-caio-fernando-abreu.jpg

 

O tempo... O que é o tempo? O tempo mata quando nos deixamos matar pelo tempo. O tempo dá e o tempo leva e o tempo de perder é o tempo em que não nos damos conta do que o tempo levou. Todos dizemos não ter tempo , tempo para ouvir , tempo para estar e não ter tempo parece ser o tempo certo de cada um de nós. O tempo tornou-se um inimigo que nos atropela porque não o temos. Mas na verdade o tempo doa-se e somos nós , na pressa de não o perder que o deixamos ir. Tantas coisas perdemos por falta de tempo. De um tempo que não nos falta porque o gastamos , porque ele passa por nós e somos nós que o não agarramos. Cada dia que passa é uma oferta , uma doação desse tempo que dizemos não ter e que temos mas que vivemos como se não fossemos ter. Falta o tempo para o sorriso , para o carinho , para a ternura e o tempo escoa-se nos nossos dedos como folhas soltas de uma cegueira tão nossa que é já loucura. Não sabemos aproveitar o tempo , porque o tempo vem , somos nós que não temos o tempo de um tempo que o tempo tem. E assim devagarinho o tempo destrói o que não fomos a tempo de salvar , mas não é do tempo a culpa e sim do tempo que não soubemos usar. O tempo não foge , o tempo está aqui , imutável e sereno e aos que dizem que o tempo foge , digo eu com toda a certeza , que o tempo não foge , é mentira , o tempo é nosso aliado , cimenta relações , sara feridas , adoça a dor , atenua a saudade, o tempo tudo constrói e o que destrói não é a falta do tempo , é a nossa imaturidade. O tempo perde-se no tempo em que deixamos de sonhar , de lutar ou de querer , no momento que damos ao tempo o tempo certo para esquecer.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 03:45

Lágrimas da Noite

Sábado, 14.01.17

Imagem relacionada

As gotas da noite escorrem pela minha pele fria, fria de tanto momento enterrado ... Fria como é fria a mão da noite que me toca devagar. Dos meus cabelos revoltos como grito do vento que passa , escorrem as lágrimas de uma noite que me acolhe ... mais uma noite de tantas noites em que procurei ardentemente a madrugada e a perdi ... Não sei porque a noite chora mas entrego-me ao seu abraço molhado e sinto as suas lágrimas de prata molharem o meu cabelo . Fundo-me nas sombras que se entrelaçam e me acolhem , porque é cúmplice a noite que vem e me abraça. E nos seus gemidos , ouço o lamento de uma dor desconhecida que se solta nas asas do vento e paira por sobre a copa das árvores. É na sombra da noite que me acolho e no seu abraço me solto e posso ser o que sou , apenas eu . Respiro as lágrimas da noite , saboreando o seu gosto pungente e dolorido, ouvindo no murmúrio das fontes o pranto da noite , contido. Abro os meus braços e abraço a noite, sentindo o pulsar do seu coração na mesma cadencia do meu , procurando na cumplicidade dela , relembrar tanto momento , tanto sorriso, que existiu e morreu. É feita de dor a noite que norteia os meus passos e me entrelaça de sombra os braços, num abraço imortal que me acalenta e condena, é mortal e doce o abraço da noite, como alma que se vai, triste porém serena. Sinto as lágrimas da noite molharem-me os dedos estendidos de uma mão que se cansou de estar vazia e se abre ao silêncio que impera, no seio de uma noite que se cansa e nada espera. Entrego-me ao abraço da noite, perco-me no calor frio com que me aperta e sorrio , um sorriso perdido no meio da noite que chora , agarro as suas lágrimas e compreendo-as, queria consolar a noite , falar do brilho da lua , da magia das estrelas , da sua beleza sem igual, mas a dor da noite é eterna e eu que sou afinal? Apenas um pobre mortal... que se prende nos braços da noite ...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 20:37

Feliz natal!!!

Sexta-feira, 23.12.16

cartÃo_do_gomb (1).png

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 17:05

A ti tia!!!

Terça-feira, 04.10.16

14593381_780526698757194_1927629490_n.jpg

 Na nossa vida há sempre alguém especial em quem pensamos e de quem gostamos especialmente. O meu pai porque valores mais altos se levantam , abandonou temporariamente este cantinho onde eu vinha tantas vezes procurar a sua alma. A vida é assim , vai levando a nossa vontade como se de uma maré se tratasse e nesse eterno vai e vem , umas coisas vão , outras voltam. No início do meu ultimo ano de Direito aqui em Coimbra "espero eu", se não ficar de molho, tenho pensado muito na minha família. Nas voltas que a vida dá e queria deixar aqui umas palavras à minha tia Clarisse. Quem conhece sabe da sua força , da sua honestidade e lealdade. Ao lado do meu pai nos negócios e na Ordem a que o meu pai não faz segredo que pertence, formaram sempre uma muralha de ferro , dessas de enlouquecer inimigos. Uma mulher versátil cuja atenção se divide em tantos assuntos e que não deixou nunca por isso de ser uma esposa amiga e uma mãe espectacular , que o diga a minha prima Inês que eu sei que tem um orgulho imenso na mãe que Deus lhe deu. Lembro da minha tia o sorriso terno e o olhar ligeiramente irónico e brincalhão. Sempre a vi como uma espécie de mulher maravilha que fosse qual fosse a situação ela estava lá e continua a estar. Tenho para com esta senhora de aspecto frágil e coração de gigante uma divida eterna, impagável , pelo apoio incomparável que sempre deu ao meu pai nos piores momentos da sua vida. Ela e claro o meu tio José Francisco, mas é ela que o acolheu em momentos de uma dor quase inumana para a qual eu pela idade e inexperiência de vida era completamente impotente e era no abraço e no carinho dela que via o meu pai acalmar e refazer o sorriso maravilhoso e puro que tanto lhe amo. Por isso nesta tarde tranquila de Outono , em frente a uma chávena de chá e uma torrada quero agradecer publicamente a esta pequenina grande senhora tudo que eu lhe devo. Uma senhora que com o seu exemplo e honestidade ensina valores tão importantes da vida. A minha tia é uma enciclopédia viva e quem tem o privilégio de com ela privar e gosta de ter conversas diversificadas encanta-se com a sua enormíssima cultura e discernimento em áreas vastas e diversas. É uma senhora com uma visão muito própria do mundo em que vive , da realidade política e com uma capacidade de estratégia que deixa qualquer um surpreendido. Muito amiga dos seus amigos , é uma pessoa que dá à palavra amizade uma dimensão incomum , mas coitados dos seus inimigos , ela é uma inimiga terrível e implacável. De poucas palavras , mais perita em escutar que em falar , a minha tia é um ser humano muito especial. De uma bondade sem limites , doce , atenciosa , carinhosa , com uma alma iluminada que nos toca profundamente. E agora que ela anda um bocado em baixo em termos de saúde não pude deixar de dizer aqui o quanto a admiro e respeito. Eu sei que tudo se resolve , a minha tia não é moça de se deixar abater. Temos uma luta enorme pela frente e precisamos sempre de ti tia. Que Deus te proteja sempre e nos dê a tua presença por longos e longos anos , de certeza serás uma velhinha daquelas que nos derrete a alma. És uma pessoa que não desconfia dos outros , que dá sempre o beneficio da duvida a quem mereceria as tuas desconfianças, uma pessoa que agrega e ampara.  Para ti obrigado pelas vezes que ouviste e amparaste o meu pai , pelas vezes que me ouviste, me aconselhaste e riste dos meus dramas e eu acabava rindo contigo e passavam de dramas a comédia. Obrigado pelas vezes que me ouviste e não riste e me aconselhaste a tomar um caminho da encruzilhada que se me deparava. Obrigado pela tua paciência , o teu carinho e o teu sorriso. Obrigado pelas tuas lágrimas que vi correr em alturas que o teu coração não suportava a dor dos que amas. Obrigado por estares sempre ai, para mim , para todos.

Um beijo com amor e gratidão do teu sobrinho

Marco António Assis Batista

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:49

Obrigado amigo

Domingo, 26.06.16

Ser amigo

Olá Gonçalo

Esperei uns dias para te responder como você merece.

Porque um amigo como você não merece um simples obrigado.

Ter amigos é bom , mas ter amigos como você é uma honra.

Porque você sabe ser amigo e sabe que amigo não é palavra que se usa com qualquer um.

Agradeço o seu carinho , a sua amizade e o seu apoio sempre presente.

Guardo em meu coração momentos únicos de que você faz parte.

Admiro o seu coração honrado e terno , admiro a sua forma de ser e agir.

Raramente passa neste mundo alguém com sua ternura , seu carinho e sobretudo sua verdade de amor.

Meu amigo querido de olhar tão sincero e limpo que sua alma se vê plena e pura.

Meu amigo terno que se magoa tão facilmente e ao mesmo tempo tem um dom de perdão como nunca conheci.

Meu querido amigo terno , leal , de coração de menino e alma de um homem que se agiganta na sua essência.

Meu amigo querido , com uma caminhada tão dolorosa , com uma saúde tão frágil , com dores tão profundas e ao mesmo tempo tão capaz de dar e acreditar.

Meu amigo querido de sorriso feliz de criança , que apesar da dor , acredita ainda na vida , no mundo , nos seus pequenos grandes sonhos.

Meu amigo querido tenho na sua amizade um tesouro que poucas pessoas conseguem ter.

Obrigado meu querido pelas suas palavras , pela sua preocupação diária , pela ternura com que todos os dias me fala , me dá alegria e um sorriso.

Meu amigo , obrigado pela sua amizade sempre presente e pelo seu carinho inigualável.

Um abraço bem apertado.

Adoro você!

Texto de Edson Celulari  "https://www.facebook.com/Edson-Celulari-575199385854086/"

Edição de Pedro Lyon de Castro

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 18:03





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  


Caetano veloso

(Para escutar clic no video)

NAO2c.jpg

Proibida a cópia e ou a reprodução deste Site, sem a prévia autorização do autor, por quaisquer meios ou processos existentes ou que venham a ser inventados, especialmente por programas de computador de acesso à Internet ou não, sistema gráfico, micro filmagens, fotográficos, videográficos; bem como a inclusão de qualquer parte desta obra em qualquer sistema de processamento de dados. Estas proibições aplicam-se também às características da obra e à sua edição. A violação dos direitos autorais é punível como crime, com pena de prisão e multa, além da possibilidade de busca e apreensão dos exemplares reproduzidos e apetrechos utilizados na reprodução.

Curriculum Vitae do Autor do Blog

Licenciado em Direito pela Universidade de Yale
Pós-graduação em Direito Criminal
Doutoramento em Medicina Forense

Estudos de História de Arte

Estudos de RPG aplicados ao ensino de técnicas teatrais

Escritor de Poesias e textos de reflexão

Com vários artigos de opinião publicados em revistas

Autor de alguns estudos de Mitologia

Membro da Maçonaria

Membro das Ordens Inglesas de Aperfeiçoamento Maçônico.

Cavaleiro Templário, membro do Preceptório Madras

Membro Honorário do Priorado

Iniciado em estudos sobre a Magia Celta em Stonehenge no ano de 1990

Membro da Antiga e Mística Ordem Rosacruz

Membro da Ordem Martinista

Membro do Colégio dos Magos

Conhecedor de, Kabbalah, Astrologia e Numerologia, formado pelas escolas mais tradicionais do ocidente.

Faixa-Preta (10º grau) de Kung Fu

Praticante de Karate

Praticante de capoeira

Professor de Chi-Kung Técnicas de kung Fu

Deu cursos e participou em projectos urbanísticos usando conhecimentos de Feng-Shui

Gestor de empresa



comentários recentes



subscrever feeds