Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Alma

Segunda-feira, 28.07.08

Visto-me de alma, da minha alma
Nas horas em que a noite se segue ao dia
Em que a vida se esvai por momentos
E a noite nasce no coração
Visto-me de alma, dessa alma
Que Deus um dia criou para mim
Minha eterna companheira
Minha âncora e luz
E é nesta alma que me cobre
Em momentos de dor e desespero
Quando a tristeza sorri e me seduz
Que me ergo neste amor
Que renasço para te amar
Num sentimento maior que o meu coração
Que só uma alma pode albergar
E se um dia me disserem, meu amor
Que terei que morrer para te amar
Então responderei
Que muitas vezes morri e renasci
Em solo fértil de lágrimas
Onde a cada dia floresce uma pétala
De um amor que Deus quis assim

MARIA MANUEL

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:59


1 comentário

De Aninha a 28.07.2008 às 18:39

Oi Padrinho!Tudo bem com você?Muito obrigada pela visitinha!Eu vi que você está em votação na Halma Guerreira,não é?
Então todos os dias eu vou lá votar em você,ouviu?Para ver se você vai ganhar!
Boa sorte,viu?
Beijos Aninha

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds