Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Regras que eu sigo

Domingo, 10.05.09

 

Devemos dar sempre mais aos outros do que eles esperam de nós e dar sempre com desprendimento e com sincera a alegria.

 

Devemos ler sempre que nos apetecer o nosso livro favorito , assistir até querer ao nosso filme preferido.

 

Devemos aprender a não acreditar em tudo o que nos dizem

 

Devemos dormir quando possível , tanto quanto nos apetecer.

 

Que cada vez que dissermos "amo-te" seja com sinceridade

 

Quando tivermos que dizer a alguém "sinto muito" devemos olhar bem no fundo dos olhos do outro

 

Devemos conhecer bem quem amamos , antes de pensarmos em casar.

 

Devemos sempre acreditar no amor à primeira vista.

 

Nunca nos devemos rir ou amesquinhar os sonhos das outras pessoas

 

Quando amamos devemos fazê-lo com sinceridade e paixão , corremos o risco de nos magoar , mas é a única forma de viver a vida em pleno.

 

Quando brigamos , devemos fazê-lo justamente , evitando expressões que magoem gratuitamente os outros.

 

Nunca devemos julgar ninguém pela família da qual descende.

 

Devemos sempre falar pausadamente , mas devemos pensar rapidamente.

 

Sempre que alguém nos pergunte algo que não queremos dizer , não devemos ser bruscos , devemos sorrir e delicadamente mudar o assunto.

 

Devemos sempre ter presente , que grandes amores assim como grandes projectos , envolvem grandes riscos , mas valem sempre a pena.

 

Devemos sempre ligar para quem nos ama , nem que seja para mandar um simples beijo.

 

Devemos sempre dar um sorriso a qualquer pessoa que passe por nós e nos olhe no rosto.

 

Devemos ter sempre respeito por nós mesmos , respeito pelos outros e responsabilidade moral pelas nossas acções.

 

Nunca devemos perder uma grande amizade, por causa de uma disputa ou por uma questão de orgulho.

 

Quando nos dermos conta de que cometemos um erro, devemos fazer tudo o que pudermos para o remediar.

 

Devemos sempre sorrir ao telefone, isso fará com que a outra pessoa sinta a nossa simpatia.

 

Devemos sempre casar com uma pessoa com quem gostemos muito de conversar, porque quando envelhecermos , a conversa será tão ou mais importante que o sexo.

 

Devemos dar a nós mesmos algum tempo de solidão diária para nos buscarmos.

 

Devemos estar sempre abertos a mudanças , sem nunca perdermos os nossos valores.

 

Devemos sempre lembrar-nos que em certas ocasiões o silêncio é a melhor resposta.

 

Devemos dar preferência aos livros em detrimento da TV.

 

Devemos tentar ter uma vida boa , mas lutar por ela sempre com honra e dignidade.

 

Devemos confiar sempre em Deus , mas não devemos deixar a nossa vida toda a seu cargo.

 

A nossa casa é o nosso mundo , devemos fazer de tudo para que reine nela sempre o amor e a compreensão

 

Quando se briga com o ser amado , devemos focar apenas o assunto do momento , sem desenterrar o passado.

 

Devemos desde cedo aprender a ler nas entrelinhas.

 

Se temos conhecimentos , devemos reparti-los , repartir sabedoria é alcançar a imortalidade na terra.

 

Devemos ter cuidados com o que nos rodeia , tentar destruir o menos possível a natureza.

 

Nunca nos devemos esquecer de rezar.

Há um poder Divino nesse acto.

 

Nunca devemos interromper quem nos elogia , se o elogio for merecido.

 

Devemos cuidar da nossa própria vida sem fazermos intrigas com as vidas alheias.

 

Não se deve confiar em alguém que liga mais para o aspecto fisico que para os sentimentos.

 

Se for possível devemos tirar ferias uma vez por ano , para visitarmos lugares que desejamos muito conhecer.

 

Devemos gastar algum tempo a ajudar os outros de todas as formas possíveis , pois esse é o sentido da vida.

 

Devemos sempre lembrar-nos que ao contrário do que pensamos , quando às vezes não conseguir algo que num certo momento queremos muito , é uma sorte.

 

Devemos saber todas as regras

para termos o prazer de quebrar algumas.

 

Não devemos esquecer que no amor verdadeiro, o amor que sentimos pelo outro , deve ser infinitamente superior à necessidade que sentimos dele.

 

Devemos sempre lembrar-nos que o nosso sucesso não se mede pelo que conseguimos

mas sim pela quantidade de coisas de que nos privamos para o atingir.

 

Nunca devemos esquecer que é o nosso carácter que escreve o nosso destino.

 

E por ultimo para uma vida totalmente feliz , devemos usufruir plenamente do amor e de tudo que nos é oferecido por Deus.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 23:44





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes