Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A Educação e a Falta Dela

Terça-feira, 07.06.11

 

  1. Algumas vezes fico sem vontade para escrever neste espaço que vos ofereço , alguma coisa de mais elaborada . Não é por falta de assuntos interessantes , nem poderia ser com o estado actual do nosso Pais , mas algumas vezes olho para os lados , com olhos de ver e fico com a ideia de que algo esta profundamente errado . Apetece-me dizer o que vi de errado , de pedir que mudem , mas olho em redor e vejo toda a gente com um sorriso de satisfação, como se estivéssemos no melhor dos mundos. A net , produto de informação que veio para ser a grande mola do conhecimento , da cultura , do aprendizado , do intercambio, gasta horas em MSNs, em Orkuts, não que eu tenha algo contra redes sociais, conversação , pelo contrário , mas seria bom que se aproveitasse esse meio para ter conversas interessantes , para passar ideias , culturas e não gastar o tempo apenas em fofocas , engates e conversas sem conteúdo . De certa formas as pessoas dopam-se a si mesmas , assistindo novelas , assistindo futebol , ocupando as mentes com tudo o que as faz esquecer a verdadeira realidade . A maior parte dos blogs que circulam na net são vazios de conteúdo também, resumem-se a meros contactos sociais , a uma pequena sala de estar onde recebem amigos virtuais , sem qualquer opinião expressa . Parece que estamos a entrar na era da ignorância colectiva, da idiotice mundial . Claro que não existe uma lei que nos torne idiotas, membros do rebanho , cabe a cada um de nós sair ou não desse esquema cada vez mais implantado nas nossas mentes . Também não fujo à regra e muitas vezes sinto-me um completo idiota , mas ainda tento mudar e acordar . E sinto-me um pouco menos lerdo , quando olho em volta e vejo que os outros que me cercam vivem mergulhados na imbecilidade colectiva sem ao menos se darem conta que o fazem . Perdemos a capacidade de pensar , segue-se a ideia generalizada , a ideia que é plantada na net , na TV , nos jornais . E o pior de tudo isto , é que um povo que deixa de pensar , também não entende que isso tem que mudar . O mundo ultimamente nas poucas vezes que se digna pensar , cria fantasias conspiratórias , ninguém assume que algo aconteceu , porque a nossa insensatez e estupidez nos levaram para lá . Nem tudo que sai da nossa morna rotina tem que ser uma conspiração. As coisas tendem a dar errado quando simplesmente nos deixamos ir na vontade de um destino superior , ao qual comodamente entregamos a nossa vida . Para algo dar certo na nossa vida , é preciso muito mais que ficar quietinho no sofá , esperando que o sucesso toque à campainha . E infelizmente estamos a passar a nossa idiotice colectiva à nova geração , dando-lhes uma educação errada . Tivemos um governo de 6 anos que dizia que a sua paixão era a educação , mas que se fez de facto em relação a isso? Nas escolas instaurou-se quase o dever de cada aluno ter um malfadado Magalhães , PC portátil amado pelo ex- primeiro ministro , o que só induz as crianças e os jovens a procurarem na net trabalhos já feitos , a terem uma ideia esquematizada , em suma , a não saberem pensar . O mesmo vale para a permissão e até indução por parte dos professores , para que crianças no primeiro ciclo já usem calculadoras. Situação ridícula , que vai fazer com que o espírito matemático das crianças morra à nascença . E teremos adultos com teorias matemáticas , mas incapazes de desenvolver um raciocínio lógico para a obtenção do resultado certo . No meu tempo eu tinha que fazer uma conta , desenvolvendo o raciocínio lógico , sem ajudas mecanizadas . Se olharmos para o nível de educação em Portugal , chegamos à conclusão que na verdade nunca houve em Portugal tantos licenciados como agora . Ainda mais com a criação de tantas universidades privadas, em que os jovens entram nos cursos com notas muito baixas . Isso para não falar na vergonha que foi o Processo de Bolonha , permitindo licenciaturas sem base alguma , assim como o CNO que permite o acesso ao secundário sem legitimidade básica e de conhecimentos que permitam a essas pessoas terem de facto uma educação equivalente ao grau de educação que lhes é atribuído . Acho que o estado se perdeu , ao trocar a quantidade pela qualidade . Acho que existem noções básicas de educação que se perderam , entre eles valores morais que não se ensinam nas escolas . Entre os valores em falta , mais flagrantes , conta-se em primeiro lugar coisas como :
  2. Etiqueta e boas maneiras - porque é cada vez mais dificil encontrar no português médio a capacidade de se comportar socialmente , que vai muito para além de saber usar correctamente os talheres .
  3. Civismo , nacionalismo e patriotismo - valores tão esquecidos e cuja falta cria cidadãos totalmente divorciados da Pátria onde nasceram .
  4. O conceito da maternidade e da paternidade - dar às crianças uma base familiar sólida , ensinar-lhes os valores morais da família , dar-lhes estrutura emocional que permita que futuramente sejam bons pais e mães e isso ensina-se com exemplos . Evitando uma sociedade cada vez mais feita de mães e pais separados .
  5. Humanitarismo - Ensinar a não ver o outro como um estranho , a não ver a desgraça alheia com indiferença , para não criarmos uma futura geração de homens completamente desenraizados de um plano social único e abrangente a todos .
  6. Conhecimento interior - Levar as crianças a conhecerem-se a si mesmas . Ouvir as suas inquietações , esclarecer as suas duvidas , permitindo que em terreno seguro , criem as suas personalidades  próprias sem imposição de ideias feitas .
  7. Politica - Ensinar aos jovens noções de politica , explicar-lhes o nosso sistema politico , as nossas ideias , deixando-lhes a noção de que podem mudar aquilo com que não concordam desde que trabalhem o suficiente para um dia o conseguirem e só assim teremos futuros políticos conscientes e empenhados .
  8. Finanças e noções de economia - Ensinar aos jovens o valor do dinheiro baseado no esforço para a sua honesta obtenção . Ensinar a lutar por um futuro mais próspero com base na iniciativa e na honestidade .
  9. Direitos e Deveres Cívicos - Não devemos ensinar aos jovens só os seus direitos , compete aos educadores ensinar os deveres também , porque o direito dos outros termina quando não cumprimos os nossos deveres .
  10. Respeitar o mundo em que vivemos - Ensinar que o nosso planeta não é um ser meio morto que povoamos para o nosso prazer e sobrevivência , mas sim , que é um organismo vivo , que sendo mal cuidado , irá restabelecer o seu equilíbrio à custa de ciclos revitalizantes , que podem dar origem a verdadeiros desastres naturais .
  11. Seria tão bom que um jovem chegasse à maioridade com todas estas noções de vida , mas infelizmente não é assim e enquanto durar a apatia em que o mundo mergulhou , não será assim tão cedo . A pior de todas as crises mundiais , é esta , a falta de uma educação estruturada . Temos que parar com a mania da escolaridade fácil , das licenciaturas a quilo . Temos que criar uma boa formação profissional , para que os jovens sejam inseridos no mercado de trabalho . Precisamos de bons pedreiros , bons mecânicos , bons agricultores , serralheiros , pintores etc.. Não se faz um Pais apenas e só com doutores.
  12.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 11:38

VITÓRIA

Domingo, 05.06.11

 

 

 

 

O PSD teve uma vitória eleitoral inequívoca. O povo falou e mostrou sem sombra de duvidas o que quer . E quer uma mudança para Portugal . O PSD foi escolhido para governar Portugal. E foi escolhido sem nenhuma ambiguidade. A vontade do povo é que o PSD dê a Portugal a orientação Democrática de que tanto carece .. Esta é uma grande vitória do povo Português e a reafirmação inequívoca da sua vontade de mudar.

Fico feliz por constatar que o Povo Português soube votar na mudança e soube ver que neste momento só o PSD tem ideias para mudar Portugal .

E tenho a certeza que o PSD tudo fará para estar à altura dessa confiança. Esta confiança é ainda mais de louvar , em circunstâncias muito difíceis e muito exigentes.

Foi uma vitória de todos os militantes, que por todo o país se envolveram e fizeram desta campanha uma campanha vitoriosa, e sobretudo sincera. Esta vitória é uma vitória de todos os que apostaram na mudança. Sem esquecer o excelente trabalho dos jovens da JSD que não baixaram os braços e trabalharam por uma mudança de politica e de vontades. Sem esquecer também os voluntários do PSD, os independentes, que com exemplar vontade de seguir em frente numa politica de mudança e de coerência , se juntaram a todos os militantes .

A força do PSD não foi uma simples estratégia eleitoral. O PSD veio para ficar.

O povo português valorizou a atitude de quem não se candidatou por mero amor ao poder, e de quem se empenhou e quer de facto dar um melhor futuro ao País.

Esta é também a vitória dos valores morais , da clareza e da lisura na política.

Foi a vitória de um programa político de inovação, e de quem tem ideias para construir um futuro melhor para o país.

Fica uma palavra de apreço aos lideres dos partidos concorrentes , que ajudam a que a Democracia se exerça na sua plenitude . Fica o elogio aos Portugueses que não se abstiveram , que marcaram a sua vontade , mesmo os que exercendo o seu direito de liberdade , votaram em outros partidos e que podem ter a certeza que o PSD governará protegendo os interesses comuns e não os interesses partidários .O PSD sempre governará em nome do interesse geral e do interesse do país. Os resultados são também uma importante vitória da nossa democracia.

A participação eleitoral mostra que a democracia portuguesa continua estável e que o povo sabe o que quer e sabe gerir o seu próprio Pais . Certamente o PSD assumirá democraticamente a responsabilidade que o povo lhe conferiu; sendo fiel sempre ao programa eleitoral, e aos interesses superiores dos cidadãos e do Estado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 20:13

PERFIL

Sábado, 04.06.11

Muitos dos meus amigos pessoais , amigos que me conheceram a minha vida toda entram aqui . Entram desafectos também , mas esses eu ignoro . Entram curiosos , leitores atentos , pessoas que deixam uma palavra ou não , entram alguns por acaso , uns ficam , outros voltam , outros não . Algumas garotas entram e ficam olhando fotos , algumas que não me conhecem perguntam se sou o rapaz da foto. Sou claro , num local publico onde entram centenas de amigos , se entrasse com uma imagem falsa pagaria o maior mico , sem contar que seria desmentido na hora , nos comentários . Dizem que sou bonito , talvez porque toda a vida o ouvi , isso pouco me importa . Uma vez uma amiga disse que pareço um bonequinho , mas esqueceu um detalhe , não sou de porcelana . Não sou sempre o homem certinho que as fotos formais aqui fazem parecer , sou uma pessoa complicada , chata , cheia de defeitos e birras . Mas sou como sou e quem não gosta que passe de largo . Vivo a meu modo e sei que as pessoas que de verdade gostam de mim , gostam pelo que sou , não pelo arzinho de menino bom , que me ficou de uma educação rígida ou o ar de modelo , que me ficou de tempos , em que escondido de um padrasto militar e conservador quis experimentar essa carreira , vida da qual sai , porque era fútil , árida e só me poderia dar uma coisa que eu afinal não precisava , dinheiro . Eu queria algo que me enchesse a alma e me desse luta , não gosto de me pavonear perante os olhos ávidos de uma plateia mais ou menos discreta . Não sou amigo de todos , não concorro a rei das simpatias , e não creio que algum dia venha a ser amado pela humanidade . procuro ser simpático , educado , social , mas o meu coração eu guardo para aqueles que amo . Muitas vezes erro , erro feio mesmo , por leviandade , falta de juízo , teimosia , mas geralmente admito e aprendo . Algumas pessoas têm a mania que me conhecem , outras julgam-me sem mesmo me conhecerem . Ninguém no mundo me conhece tão bem que saiba o que se passa pela minha cabeça , nem eu muitas vezes sei . Às vezes as pessoas dizem que sou ruim de aturar , que tenho a mania que ninguém me chega aos pés , é mentira . Sei aquilo que valho e mamei as tradições seculares de honra junto com o leite materno . Quanto a certa admiração pela minha imagem de alemão , misturado a Inglês , eu digo a quem me procura só por isso , que para essas pessoas sou como espelho , que podem ver mas jamais poderão tocar . Para essas sou frio como o gelo , porque não sou sereia para que me fiquem a admirar a cauda . Mas garanto a quem já esteve no Paraíso , que em certas ocasiões eu posso ser dez vezes melhor . Não sou sempre igual , sou temperamental , tenho mil maneiras diferentes de ser . Adoro sonhar , perseguir um sonho , mas nunca perderei o que é importante na minha vida , por um sonho . O meu sentir não se perde com o que me dizem , mas com o que me fazem . Creio não ser complicado a ponto que ninguém me entenda , mas não sou tão simples que qualquer um me compreenda . Quando considero algo águas passadas , escolho uma estrada e é muito raro voltar atrás . Estou a ser meio snob sim , mas se não gostarem , é porque ainda não viveram na vida o que já vivi. O que me interessa nos outros é a pureza de coração e quem quer chegar perto do meu , tem que me provar que o merece .

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 17:36

O Meu Testamento

Sexta-feira, 03.06.11

Às mulheres que perderam a fé , nas brumas da escuridão e do medo, eu deixo no meu testamento , o maior sentimento , aquele que é límpido e puro , com a mesma pureza que na mão de uma criança seguro . E a todas as mulheres esquecidas , sozinhas no mundo , perdidas , feridas de amor ou decepção , eu deixo no meu testamento , cada sorriso que invento no bater do meu coração . E os meus valores de sempre , a minha fé e convicção, a força que não sei de onde me vem , a paz que eu conquistei e toda a coragem que aprendi a ter , eu deixo no meu testamento , aos homens de mãos calejadas , frontes leais e suadas, de sábios que nunca souberam ler . Os meus terços de ouro e prata , os livros sagrados, os testemunhos , a fé e segredos meus , eu deixo em testamento àqueles amigos de sempre , que sendo amigos sinceros , nunca acreditaram em Deus .  E a minha obra de vida , os poemas escritos na dor , na tristeza e na alegria , os poemas simples que fazia , à luz do teu olhar , deixo-os a ti meu amor , meu eterno amparo , que sempre me soube amar . E quando eu um dia partir e voltar na alvorada , devagarinho , sem ruído , somente para te beijar , pega nesse carinho meu , e leva-o seguindo o meu desejo , oferece-o a cada criança triste , àquelas que nunca tiveram um beijo .

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 20:28

As Melhoras Querida

Sexta-feira, 03.06.11

 

 

Quero deixar à minha amiga Sónia Brazão , os meus sinceros votos de melhoras e que tudo corra o melhor possível . É de lamentar o que aconteceu e fico muito triste com um acidente tão infeliz . mas sei que s uma mulher forte , e que saberá vencer tudo rapidamente . Que Deus te proteja e te dê rápidas melhoras . Adoro-te muito como sabes e estou a torcer por ti .

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 20:10

Mitos Sobre o Amor

Quinta-feira, 02.06.11

O amor sempre foi e é um assunto controverso com opiniões diferentes sem que haja conceito firmado de certo e errado . O meu nome é Maria Helena Cabral , conheço o Gonçalo há vários anos e sempre respeitei a sua teoria de vida . Sempre foi para mim um amigo presente , e com ideias muito suas sobre alguns temas entre eles o amor . Ele odeia frases feitas , e costuma ter opiniões geralmente divergentes e que costumam ser um tanto polémicas . É um homem profundamente livre de alma e de coração , sem se agarrar a ideias feitas . Por isso e como este blog já várias vezes abordou o amor das mais variadas formas , resolvi deixar umas perguntas que me pareceram interessantes , com a certeza que o Gonçalo responderá com a sinceridade de sempre .

 

Maria Helena - Gonçalo , achas que o amor é um sentimento que nos deixa em estado de graça?

 

Gonçalo - Olha Lena , eu acredito que o amor tem um dom de despertar em nós aquilo que de melhor temos . Mas que já existia em nós , só que não tínhamos ainda descoberto . Quando amamos , a beleza inerente à nossa alma , encontra uma forma de se mostrar , de criar raizes . O amor é uma força que nos revitaliza , mas é também um sentimento que nasce com uma aura de encantamento , o que por outras palavras se pode dizer , que efectivamente pode criar um estado de graça .

 

Maria Helena - Dizem que o amor quando é verdadeiro , é eterno . Concordas?

 

Gonçalo - Não , não concordo . Para mim o amor só vive pelo tempo em que a relação entre o casal é propícia , enquanto ambos amam e se sentem amados também . Quando isso deixa de acontecer , quando um deixa de amar e o outro de se sentir amado , é vital que o casal se separe para irem procurar outra pessoa que os possa fazer felizes . Não é isso que torna o amor menos importante , nem significa que esse casal não amou de verdade , apenas mostra que o amor que os uniu teve as suas etapas e chegou ao fim .

 

Maria Helena - Gonçalo como homem, diz-me o seguinte , acreditas que quem ama nunca trai?

 

Gonçalo - Bem Lena , não se ama o papel do casamento , não se ama a aliança , ama-se o outro , a pessoa que connosco partilha a sua vida . Quando se é fiel não quer dizer que se ama mais , apenas é uma questão de conceito e de respeito pelo outro . A fidelidade deverá sempre ser uma questão de opção e jamais de obediência.

 

Maria Helena - Retomando a pergunta anterior , achas que o amor deve acabar  ou pode acaber , com base numa infidelidade ?

 

Gonçalo - Lena como psicóloga que és , sabes que é impossível fazer um padrão desse assunto . Muitas vezes o homem ou a mulher traem porque de facto o relacionamento que mantêm em casa não os satisfaz ou terminou mesmo . Outras vezes é algo passageiro , momentaneo , algo que eu costumo definir como a traição praticada apenas com o corpo . Outras vezes ainda , a traição é um sinal de aviso que vem mostrar que algo não anda bem com o casal , que está faltando alguma coisa e perante isso ambos têm que ter maturidade para conversar e recomeçar a relação levando em conta as necessidades dos dois . Há também a traição praticada por pessoas que vêm no trair uma forma de afirmar o seu ego , e que por isso são incapazes de ter uma relação estável . É difícil saber o que fazer perante uma traição , seja para o traidor ou para quem foi traído , mas é necessário tomar medidas para que a traição não estagne a vida do casal . É bom que o casal repense , passe pelo sofrimento que é inegável , e escute o que ambos têm a dizer, e acima de tudo que nenhum dos dois se deixe viver no medo de perder o outro . Porque isso sim , mata qualquer amor .

 

Maria Helena - Gonçalo achas que a paixão é efemera? Que o amor só vem depois de vivida essa fantasia?

 

Gonçalo - Olha , acho que esse mito se criou pelo medo que a paixão intensa causa em quem a sente . A paixão , como é um impulso , tende a ser vista como imoral , sendo para a nossa sociedade moralista , o mais acertado o amor calmo , tranquilo , que termina num relacionamento legitimado . A Paixão é abrir as portas ao desejo , o amor é gostar de pés no chão . Mas no meu caso , eu misturo sempre amor e paixão . A única paixão condenável , é a narcisista , quando alguém se apaixona compulsivamente só para se sentir querido e adorado e conseguir valorizar-se perante si mesmo . Mas para esses nunca haverá etapa posterior , porque nesses casos , o outro para essas pessoas nunca passará de mero objecto .

 

Maria Helena - Gonçalo , achas que para haver amor verdadeiro , tem que haver um encontro de almas gémeas?

 

Gonçalo - Não acredito nisso . O encontro de duas almas só pode ser enriquecedor e complementar se ambas forem diferentes . No amor cada um precisa preservar a sua forma de ser , de pensar , só assim podem trazer algo de novo ao outro . Cada um tem o direito de preservar os seus interesses próprios , os seus amigos , as suas ideologias , o seu trabalho . A "alma gémea" é um mito que só prejudica a ideia que se deve ter sobre o amor , porque se tentarmos ficar igual ao outro , os dois ficam mais pobres .

 

Maria Helena - Achas impossível esquecer um grande amor?

 

Gonçalo - Um grande amor pode permanecer na nossa lembrança por tudo que de bom e de mau nos trouxe e certamente por tudo o que fez nascer em nós . É dessa forma , por lembranças , que um amor pode permanecer vivo na nossa memória , mas isso é totalmente diferente de viver literalmente em função da lembrança de alguém . Se um amor não tiver pernas para andar , há que o enterrar ou viveremos o resto da vida num eterno velório . Um amor só deve permanecer vivo enquanto vale a pena ou enquanto ainda é possível resgatá-lo.

 

 

Maria Helena Cabral e Gonçalo N. de Assis

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 13:44

Sonhar Sim ... Mas Cuidado ...

Quarta-feira, 01.06.11

O ser humano é por natureza sonhador e por muito que mudem culturas e tradições , sonhar sempre será parte integrante da alma dos homens . Os Sonhos podem ser a mola que nos faz pular para o futuro , ou podem também ser a força que nos puxa para baixo , depende da forma como os sentimos , vivemos e a importância e tempo que lhes dedicamos . O Sonho , como o próprio nome indica , tem muito pouco de realidade , é constituído essencialmente por fantasia e evasão . O que por vezes complica tudo , é que o sonho quase sempre é o oposto da nossa realidade , de tal forma que para o realizarmos temos que rever todas as nossas regras de um conforto mediano já estabelecido na nossa vida . Sonhar é fantasiar acordado tudo aquilo que a nossa alma anseia e às vezes é necessário que um amigo , de pés bem assentes no chão , nos acene com a realidade para que possamos conjugar as duas realidades que se abrem perante o nosso olhar inundado de fascínio . As grandes paixões , os grandes amores , são sonhos que um dia têm que sair da fantasia e entrarem na realidade para que se concretizem . São os Sonhos que alimentam a nossa realidade , a nossa força , a nossa vontade de lutar . Até no momento em que escrevo , a liberdade criativa que me assiste por direito , alimenta na minha alma sonhos só meus . Mas são sonhos de momento , do tamanho de uma pequena e simples história . Sonhar é preciso , mas cuidado , há que trazer o sonho para a realidade , dar-lhe um espaço na nossa vida ou um dia ele simplesmente morrerá .

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 13:54


Pág. 2/2





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds