Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



CASAMENTO

Domingo, 06.01.13

A maior parte dos meus amigos passa a vida a divorciar-se . Ou porque são incompatíveis , ou porque lhes surge outro amor na vida ou até mesmo por banalidades que seriam facilmente resolvidas . Eu e a minha mulher aprendemos vários truques para um casamento duradouro e feliz . Antes de mais , gostamos de jantar juntos uma boa comida caseira e falamos de tudo um pouco . Não estamos muito tempo juntos , infelizmente . Mas lutamos para que o tempo que podemos estar juntos , seja de qualidade . Ambos gostamos de viajar juntos e quando estamos em viagem , aproveitamos cada momento para expressar o que sentimos . O que cada paisagem , cada lugar , cada palavra nos traz de bom . Claro que temos muitas diferenças , é o normal . Mas cada diferença cimenta uma ponte , não um fosso . Gosto de caminhar com ela de mão dada pela areia da praia , e consigo até gostar de ir às compras com ela . Gosto de olhar as jóias nas montras e escolher uma que eu acho que é ideal para ela . Gosto de lhe oferecer presentes fora das datas formais, presente é um impulso de carinho , não tem preço . Temos uma casa repleta de objectos de arte , mas nenhum deles comprado ao acaso . Cada um deles conta uma história , um episódio , todos fazem parte de nós e se encaixam na nossa vida . O casamento neste momento não é uma instituição segura . As pessoas perderam a capacidade de amar-se e de entender-se . Quando não dá , nem se perguntam porquê , simplesmente partem para outra . Eu sou do tempo em que nada era imediatista, tudo tinha que ser analisado , entendido e resolvido . Fui educado por uma mãe que tinha o dom de estar sempre linda , bem penteada e que ao mesmo tempo geria o seu lar com mão de ferro . Aprendi com ela que a família é uma instituição sagrada . Que o primeiro valor a passar aos filhos , é exactamente esse , a unidade e a coesão familiar . Desejo que neste novo ano , todos tenham mais paciência para se amarem e perdoarem . Ninguém é perfeito e se casamento não é garantia de felicidade , salvo raras excepções o divórcio também não .

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 19:28

Votos de Ano Novo

Quinta-feira, 03.01.13

Estive a ler todos os muitos SMS e mensagens de ano novo que me enviaram . A maior parte como sempre , desejou-me paz , saúde e amor . Fiquei a pensar o quão antagónicos são estes desejos . Se eu tiver amor , muito dificilmente terei paz e não tendo paz , lá se vai a saúde . O amor e a paz nunca combinaram . O amor traz consigo inquietação , ansiedade , desejo , medo . O amor não nos dá paz , porque paz não é amor . Tudo o que se prende com o amor é absorvente , empolgante , luminoso e paz é apenas uma suave quietude , uma preguiça da alma . Juntar amor e paz , seria como juntar água e fogo, o sol e a lua . O amor é uma tempestade que invade o coração , agita a alma, tira o sossego de qualquer mortal . Por isso desejar paz e amor é algo meramente retórico, um desejo impensado , uma coisa de todo impossível . Por isso para este ano , desejo muito amor sim , saúde também , a possível , e quanto à paz , desejo-a para o mundo . Desejo que os homens que têm o poder , amem mais a humanidade do que os interesses pessoais ou mesmo nacionais . Que exista paz em todos os lares , em todos os corações infantis, mas que no meu coração essa paz não se instale . Que o meu coração , a minha alma e a minha vida seja repleta de luz , dessa luz que o amor emana e que não consente paz .

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:04


Pág. 2/2





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds