Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



LIBERDADE

Terça-feira, 26.08.14



Sinto-me livre , como um ser que rompe amarras e as vê cair , quais braços inertes que o não prendem mais. Sinto-me livre , dono de mim mesmo , isento da dor em que a prisão de nós mesmos se transforma. Sinto-me livre das amarras do sonho, livre das teorias do meu próprio desejo. Sinto-me livre pelo cansaço de uma bagagem que não quero carregar mais . Liberto-me de velhos sonhos , velhos desejos e abro a minha alma à liberdade de um sorriso puro , de uma palavra terna , de um afago suave , como a brisa da tarde que despenteia o meu cabelo. Sinto-me inebriado do ar leve que envolve os meus pulmões , do grito que sai da minha boca , do mundo que agarro num abraço . Sinto-me livre , sem medo , sem dor , capaz de encarar a minha vida de forma frontal , entendendo que tudo que me prendia , foi perdendo a sua força . Sinto-me como um ser que tendo carregado nos ombros o peso de tanto sonho morto , de tanta dor escondida , de tanta incompreensão , de repente se pergunta para quê carregar tudo isso. Para quê perpetuar dissabores , aborrecimentos , tristezas , jogos , coisas que me apertavam o peito como amarras que não desatavam . Sinto-me livre por não ter que provar mais nada a ninguém, não ter que batalhar por guerras perdidas, não ver sentimentos jogados fora. Sinto-me livre como ave que voa no azul do céu , riscando o firmamento, sentindo a liberdade impregnar-se em todo o seu corpo. A vida vai-nos dando amarras , e nós vamos ficando cada vez mais enrolados , deslumbrados por sonhos que parecem tão vitais. A vida passa e alimentamos esses sonhos, carregamos essa bagagem que pesa sem nos darmos conta que sonho é isso mesmo , sonho. Que sonho é somente a realidade que não aconteceu , custa deixar os sonhos , mas quando se consegue , a liberdade invade cada um dos espaços vazios . E depois? Depois há que deixar nascer mais sonhos , mas sonhos que terminem rápido , numa realidade conseguida. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 16:22

Para ti , amigo

Sexta-feira, 22.08.14

Há valores que deveriam ser inatos ou aprendidos no berço . Há pessoas que marcam a diferença pela forma como se apresentam e ao contrario do que é dito por pessoas a quem a incultura e a inveja cegam , ser elegante e educado , ter emoções e sentimentos , nada tem a ver com a conta bancária de cada um . Ontem li um comentário deselegante e infeliz , feito sob a sombra do anonimato ao autor deste blog. Não que o comentário fosse ofensivo, é apenas a amostra da forma de pensar que se tem instalado. E que é profundamente errada . Conheço o Gonçalo há tantos anos , e sempre o conheci igual a si mesmo , sincero , emotivo e educado. E isso é cada vez mais difícil encontrar nos dias que correm . As pessoas acham que ser inteligente é tripudiar nos sentimentos dos outros , que ser esperto é não ter lealdade a ninguém , que se sobe na vida passando rasteiras a todos. Ao contrário do que se pensa , ser elegante e educado não é dizer obrigado , sorrir , é muito mais que isso . Sem sinceridade não há educação , nem elegância. E é essa elegância tão difícil de encontrar que acompanha o Gonçalo todas as horas do seu dia. É nele uma elegância natural , que começa no seu jeito de elogiar bem mais do que criticar quem o rodeia. Sempre conheci um Gonçalo que limita uma barreira , para lá dela , não nos é permitida a entrada , mas sempre o vi ouvir mais do que fala, tem um jeito elegante de se afastar de boatos , do diz que disse , infelizmente tão comum , das maldades gratuitas para prejudicar a imagem do outro. Torna-o elegante o seu jeito de falar com tom educado com inferiores, quando evita assuntos que sabe que vão humilhar o outro. Detecta-se a sua elegância no jeito carinhoso com os amigos. Quando ouve com atenção opiniões erradas , quando prefere dar presentes sem motivo , ignorando a obrigatoriedade de datas fixas, quando cumpre escrupulosamente o que promete, quando atende telefonemas que ele sabe que são pedidos e nunca se escuda com a secretária para não atender. Ele mostra elegância oferecendo flores como carinho, quando não se mostra superior a ninguém , mostra a sua elegância quando faz algo por alguém e eu já assisti e esse alguém nunca sequer ficou sabendo que foi ele que o fez. Mostra a sua elegância quando não se alia a modas e mantêm o seu estilo , quando não usa a posição social para humilhar quem pode menos, mostra a sua educação elegante nos gestos solidários e até no silêncio com que se cobre quando o magoam. Não é o apelido de família , o dinheiro , as jóias, que tornam alguém educado e elegante. E essa forma de ser mostra o que a pessoa é , porque não há tratado que ensine alguém a viver de forma educada e elegante. Simpatia e gentileza não se aprendem. O Gonçalo ainda é daqueles homens que abre a porta para as senhoras passarem , oferece o lugar dele se uma senhora estiver de pé, oferece ajuda antes que lhe peçam, o seu jeito de falar olhando nos olhos do interlocutor é elegante, e é elegante e educado o seu permanente sorriso , que faz um bem danado a quem com ele convive . E não é o dinheiro ou o status que fazem com que alguém seja assim . A verdadeira educação e elegância nasce aliada à pureza da alma , pode até haver quem queira imitar , mas imitar pela observação será sempre improdutivo . O que a alma não sente , não fica , não se grava. Para conseguir ser assim há que ter bondade no coração e não pensar que amigo é tipo lata de lixo para onde se joga o nosso mau humor , as más palavras , a impaciência , as ausências e achar que é muito natural , que amigo serve para isso . Não é verdade , sempre ouvi dizer , que o melhor bocado é para os amigos , e ser sincero , educado , elegante, carinhoso , não depende de dinheiro e nem é ser antiquado , é ser um homem de verdade . Às vezes ouço a estupidez enraizada de que amigo que é amigo não cobra atenção , claro que cobra , amigo deve dar e cobrar atenção , se amigo não cobrar atenção é porque não é amigo . De certeza não serão os inimigos que a vão cobrar. Infelizmente há cada vez mais pessoas sem educação , que confundem amizade e sentimentos com franqueza e não é de admirar , a educação e a elegância enferrujam por falta de uso . Devia-te esta reposição da verdade , Gonçalo . Um grande abraço .

 

Pedro L. de Castro

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 10:57

Parede Branca

Quarta-feira, 20.08.14


Às vezes sinto-me assim , parede branca ... Sinto-me transparente como se os olhos vissem para além de mim . Sinto-me cada vez mais , perdido , a um mundo que já não conheço , onde as pessoas há muito perderam a noção do que é realmente gostar de alguém , ser amigo , sobretudo ser sincero. Não tenho mais paciência para joguinhos de bastidores, para criancices ou simplesmente para aturar a mediania. Sinto falta de pessoas com as quais cresci , pessoas que não mudavam de opinião como se muda de camisa. Detesto a hipocrisia social , quando as palavras de amizade se tornaram vãs e são ditas em troca de favores. Detesto esta geração sem princípios onde vale tudo para conseguir o que se quer. Estou cansado de ter que adivinhar o que os outros sentem , de ficar à mercê de diferentes humores e de ter paciência para aturar tudo isso . Estou farto de tanta sujeira, de chafurdar nessa lama. Geralmente ouço as frases : - " Gosto muito de ti , preocupo-me muito contigo , quero o melhor para ti ..." Sinceramente vão dar uma curva . Quem gosta , quem se preocupa , procede com dignidade . Estou tão farto de hipocrisias, que corro o risco de não acreditar em quem é sincero. Sinto-me assim , uma parede branca , por onde deslizam como água as mentiras , as hipocrisias , as meias verdades, tudo o que não quero para mim . E sinto-me cada vez mais só , num mundo que de forma alguma tem a minha medida .

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 10:33

Deus Capacita ...

Segunda-feira, 18.08.14


Há pessoas que dramatizam a vida querendo saber o porquê de tudo . Querendo entender porque motivo foi escolhido para isto e para aquilo , quando na verdade  pouco interessa o porquê , interessa que é assim . Não sou desprovido de curiosidade , mas tenho a noção de onde termina o porquê. Muitas vezes a resposta ou é intuitiva ou está para lá da nossa capacidade de entendimento . Acho que as pessoas perdem um tempo precioso a perguntar porquê e a tentar explicar a sua incapacidade perante as batalhas que se lhes deparam e para quê? , pergunto eu agora . Se a vida , se Deus nos deu um caminho , não adianta achar injusto ou achar que se é incapaz de corresponder ao que é pedido . Ninguém nasce com carteirinha assinada de filho de Deus , de capaz, de herói , como diz a imagem , Deus capacita os escolhidos e por isso não dramatizo a vida . Prefiro concentrar-me nas coisas que me dão alento , que me fazem sorrir e são simples , sem dramas . Uma das coisas mais belas e simples da vida é amar , mas amar sem jogos , sem seduções parvas , amar por amar. Amar mesmo . Outra coisa que adoro é rir , e já ri até sentir todos os músculos do rosto doerem e deixei para lá o que não tinha remédio.Outra coisa que amo é um banho quentinho , com uma essência boa, tão simples e tão relaxante. Outras coisas que me fazem feliz , um supermercado sem filas de espera na hora de pagar , a cidade sem engarrafamentos no trânsito , passar na rua e ver um olhar especial , um sorriso sincero ,receber cartas de amigos , nada daqueles e-mails frios , mas sim cartas , onde posso ainda sentir o odor do aroma de quem me escreve. Faz-me feliz conduzir ao longo de uma estrada que atravesse uma paisagem bonita, ouvir as musicas de que gosto, uma boa conversa, um banho de hidromassagem e o mar . Como amo o mar. Adoro rir de mim mesmo , adoro ouvir declarações de amizade , (sinceras), adoro os meus amigos , adoro quando sei que dizem bem de mim ,amo acordar a meio da noite e perceber que ainda posso dormir mais, adoro fazer sentir aos meus familiares e amigos que os amo , conversar antes de dormir , e sentir carinhos feitos no cabelo . Amo viajar , ter sonhos bonitos, adoro dançar, beijar quem adoro , assistir a bons espectáculos, emocionar-me com certas pessoas. Adoro passar tempo com as pessoas que amo , ganhar um jogo complicado, amo ver os amigos rir. Adoro segurar as mãos de quem amo e olhar nos olhos sentindo que nada vai mudar , que quem me ama , ama-me incondicionalmente e para sempre, sentir um abraço ,ver a alegria das pessoas a quem ofereço um presente,e quando possível , ver o nascer do sol . Mas sobretudo agradecer a Deus em cada amanhecer pela dádiva de mais um dia , porque eu sei que farei desse dia o que eu quiser . A chave da felicidade está nas nossas mãos , só nos magoa quem nós levamos a sério e só vale a pena levar a sério quem nos faz bem , o resto não incomoda .

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 14:31

Férias

Segunda-feira, 11.08.14

Deixo aqui tipo nota informativa a notícia de que o autor do blog se retirou por uma semana por motivo de férias. Por esse motivo o Blog não será actualizado durante a semana, o Gonçalo voltará em principio na próxima segunda feira . Qualquer assunto a tratar , podem enviar mails para o e-mail gnunodeassis41@hotmail.com que será diariamente aberto por mim . 

Um abraço

Pedro L. de Castro

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 18:34

Ricardo Salgado X falsos amigos

Quinta-feira, 07.08.14
Neste momento respira-se BES e Ricardo Salgado . Não há cão nem gato que não se ache um técnico em economia e emita as suas sábias palavras. Um livro sobre os assuntos relacionados ao BES, está na terceira Edição , 15 dias após a publicação. E desengane-se quem imaginar que a compra do livro se deveu ao interesse pelo estado da economia ou às oscilações de mercado e Bolsa que tudo isto provoca , compraram porque se sentem bem lendo sobre a queda de alguém que ousou ser aquilo que eles queriam ter sido. Até aqueles que enchiam o peito de ar , para orgulhosamente proclamarem a sua amizade com Ricardo Salgado , hoje dão o dito por não dito e acompanham que nem ratos , com os olhos luzindo nas tocas , as notícias que saem sobre o caso . Ainda hoje um idiota me ligou , para me dizer com um mal disfarçado tom de alegria: " Sabes , Cancelaram umas contas do Salgado no Exterior". Não me contive e perguntei-lhe : "Ouve lá oh seu filho da p..., quando corrias atrás a pedir favores , juravas amizade eterna." A minha paciência com abutres está zerada há muito tempo. E o que se tem especulado acerca do grupo BES é coisa de loucos. As atrocidades que se afirmam , sem base nenhuma , deixam-me perplexo. E não é só em relação ao BES , as pessoas tornam-se verdadeiros abutres perante a queda de alguém. Estou cansado de informação vazia , ridícula. Até mesmo no meu meio de trabalho isso acontece , porque uma esteve na sala com a chefia , porque a outra recebeu aumento às escondidas . Mas quando pergunto se alguém viu , claro que não. As pessoas gastam horas para falar mal da vida dos outros, como se dizer mal dos outros , as fizesse sentir-se melhores. Os boatos , o empolgar situações , são sempre motivados por inveja. Por isso, os bem-sucedidos na carreira e no ambiente de trabalho, os que mais se destacam, estão mais sujeitos a virar alvo da maledicência. De qualquer maneira aprendi a não ligar a quem mente , ou maldosamente critica , afinal nunca foi erigida uma estátua a quem critica ou mente. Quanto ao Ricardo ou a outro qualquer cuja sorte desande , seria justo , se quem se dizia amigo , continuasse a manter essa amizade. Quem não sabe estender a mão ao amigo que cai , não merece jamais que alguém lhe estenda a mão. Quanto a mim , a minha amizade pelo Ricardo mantém-se inalterada e sempre será assim , com aqueles que merecerem ser considerados meus amigos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:27

DESABAFO

Segunda-feira, 04.08.14

 

 
Fico triste ao dar-me conta de que gostei muito de pessoas , pelas quais hoje não sei mais o que sinto. Há pessoas cuja sinceridade aparente conquistou a minha confiança e de repente por mentiras , por tricas , mostram que a minha confiança foi infundada. Nem sempre a sinceridade cai bem e há quem a confunda com sentimentos menores , mas sou adepto das verdades ainda que amargas, porque as mentiras doces enjoam, tanto quanto um perfume usado em excesso. Às vezes sinto a necessidade de avisar os que comigo convivem ou directamente ou por intermédio de terceiros , que não sou burro , que conversa mole comigo não pega e que mentiras , deslealdades e tricas comigo produzem um efeito devastador . Esse tipo de atitude é o suficiente para me afastar de alguém e para fechar a porta a todo e qualquer tipo de ajuda que pudesse vir a dar a essa pessoa , como habitualmente os amigos se ajudam. Quando eu reparo que as pessoas de quem gosto , de quem me considerei directa ou indirectamente amigo , agem de forma mesquinha , malévola, faço questão de mostrar que sei e não gostei. Os amigos são na verdade quem mais nos atinge , porque se pode esperar tudo de todos , mas de amigos nunca. Os amigos parecem ser ou deveriam ser uma das melhores coisas da vida , mas não é bem assim , e tornam-se alguns , infelizmente , inesquecíveis pelo mal que causam. Por isso deixo aqui um apelo muito sério aos meus amigos , por favor não esperem muito de mim , o meu coração está por demais desconfiado de mentiras e palavras doces, pelo contrário , esperem de vocês mesmos , porque receberão na medida em que sinceramente forem capazes de dar , sem jogos , sem mentiras e sem calculismos idiotas e vãos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 14:15





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds