Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Amigos...

Terça-feira, 31.08.10

 

Às vezes temos a sorte de encontrarmos numa curva da vida , amigos verdadeiramente excepcionais . Alguns entram na nossa vida como autênticos furacões , fazendo tremer os nossos alicerces , mas como toda a força da natureza , eles simplesmente passam , deixando muita coisa destruída e muitas marcas . Outros acertam o passo pelo nosso e seguem lado a lado , como pilar seguro . Existem na verdade muitos tipos e formas de amizade . Temos amigos que são como irmãos , que dividem o nosso coração e o nosso espaço , caminhando juntos para um crescimento e um amadurecimento interior. Este é o tipo de amigo que não conseguimos dissociar da família e a quem desejamos todo o bem do mundo . Mas na vida aparecem muitos outros amigos , alguns tão diferentes de nós , que até os encontrarmos , julgávamos impossível tal amizade. Apesar das nossos iniciais reticencias , muitas vezes esses improváveis amigos , tornam-se sinceros e profundamente amigos , tão amigos que chegam a ler na nossa alma , que entendem quando não estamos bem e nos ajudam a sorrir . Esses são os amigos com quem aprendemos a contar nas nossas loucuras . O que nos vale quando todos nos apontam os erros. Por vezes aparece um amigo(a) especial. Daqueles que fazem o nosso coração falhar uma batida e muda de nome , passamos a chamar-lhe namorado(a), e é dessa "amizade" especial que nasce a luz que ilumina a nossa alma . Depois existem também os amigos temporários , os ditos amigos sociais , que passam como nuvens, mas que enquanto estão , nos fazem sorrir e partilham connosco o seu lado mais luminoso . Existem também os amigos distantes , esses que apareceram no tempo moderno , os amigos virtuais . Mas apesar de distantes , são também capazes de nos darem carinho , são como flores cuja brisa nos traz o seu aroma . E assim vai passando a nossa vida , até que sem nos darmos conta , começamos a aproximar-nos da linha de chegada , ao fim da viagem e vemos com dor os amigos que partem antes de nós . Mas mesmo os que partem antes de nós , continuam a fortalecer-nos no seio do seu amor , deixando-nos todas as lembranças maravilhosas do tempo em que eram presença constante na nossa vida . Momentos que nenhuma distância jamais poderá apagar . Desejo a todos os meus amigos , os que permanecem , os que não ficaram , os que ainda virão , muita paz , felicidade e sobretudo muito amor e saúde . Não existem amigos iguais , cada um deles é único e insubstituível . Como disse um escritor , deixam um pouco de si e levam um pouco de nós . Mas nem sempre é assim , às vezes amigos há , que levam tanto de nós e não sabem deixar-nos nada . Cada caso é um caso . Ser amigo , saber ser amigo , saber gostar , é a maior responsabilidade que Deus concedeu ao homem ,  e talvez por isso ele nos envie esses amigos e talvez eles não surjam na nossa vida por mero e simples acaso .

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:03


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds