Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Armas Contra Mocréias

Quinta-feira, 15.03.12

 

Existe um tipo de mulher a quem em gíria se chama mocréia . Para os meus leitores brasileiros não é preciso explicar o que esse termo significa . Para os portugueses devo dizer que são geralmente mulheres que colam em nós literalmente . Geralmente são feias , mas podem ser bonitas mas interesseiras e gananciosas . São geralmente inseguras e querem valorizar-se pelo homem que conseguem apanhar e pobre do coitado que lhes cai nas garras . Aparecem nas festas e ficam até ao fim de olho nas possíveis presas . Basta um descuido e elas traçam . Elas  escolhem a presa e depois atacam . Deixo aqui umas armazitas contra as cantadas habituais dessa espécie . Se não evitar que o leitor caia na cilada , pelo menos servirá para descarregar a raiva , quando perceber que caiu numa fria , que o deixou de coração e de carteira bem mais vazios .

 

Mocréia - Oi Gato...

vítima - Oi gata , você sabe que caiu do céu?

Mocréia - (toda sorrisos) - Obrigada

vítima - Pena que caiu com a cara no chão ...

                                                                 {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia - Se eu te beijar , você vira sapo? É que Príncipe você já é...

vítima- Sabe qual a diferença entre você e a bruxa má das histórias infantis?

Mocréia - (desconfiada) - Eu não ...

vítima - É que ela ainda pode usar a magia para ficar bonita ...

                                                                 {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia - Você tem cara de anjo , será que caiu do Céu ?

vítima - Quem Sabe?! Mas acho que você não caiu do céu

Mocréia - Oh e então o que você acha?

vítima - Acho que te empurraram de lá... com muita força

                                                                 {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia - Você é um homem tãooo especial

vítima - Você também é especial

Mocreia (derretida) - Obrigada .

vítima - E diferente . De que planeta você veio ?

                                                                 {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia - Olá , te vi aqui sozinho e deu-me uma vontade ...

vítima - Que coincidência , quando vi que você me ia abordar também me deu uma vontade de a levar para um local e cobri-la...

Mocréia - (pensando que ganhou a noite) - De beijos meu bem?

vítima - Não , era com um saco pela cabeça ...

                                                                 {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia - Você é tão diferente que nem parece real .

vítima- E você também, aliás sabe a diferença entre você e um ET?

Mocréia- Não

vítima - É que o ET não fica muito tempo por cá

                                                                  {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia- Que obra Deus fez quando te criou...

vítima- Obrigado . E sabe o que Deus disse quando a criou?

Mocréia - Não. Que disse?

vítima - Credo , eu que faço tudo perfeito , devia estar muito cansado quando fiz isto ...

                                                                 {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia - Que beleza . Você parece um Adónis ...

vítima- E você parece um quadro de um pintor famoso

Mocréia - (muito feliz) De quem?

vítima - De Picasso ...

                                                                {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia - Nunca conheci alguém tão especial .

vítima - você acredita que cada pessoa tem algo de especial?

Mocréia - (intrigada) - Claro e você não?

vítima - acreditava , até você cruzar o meu caminho...

                                                               {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia- Isso é tudo natural?

vítima - É sim. E aposto que você foi ao salão de beleza.

Mocréia- Fui sim . Dá para notar ?

vítima - Dá para notar que o salão estava fechado ...

                                                               {#emotions_dlg.tongue}

Mocréia- Como você é lindo ...

vítima- E já alguém lhe disse que você está linda esta noite?

Mocréia- Já sim ... porquê?

vítima - Caramba , os homens desta festa mentem mesmo                                                    {#emotions_dlg.tongue}

 

                                  Gonçalo Nuno de Assis

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 15:36


1 comentário

De Paulo Ribeiro a 16.03.2012 às 16:22


A prática faz o Mestre . Um abraço

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds