Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



TOMA_ME

Domingo, 25.02.07

Toma-me, leva-me contigo

esquece o medo

o cansaço

leva-me contigo

aperta-me no teu abraço

Não quero saber de medo

não quero ser um segredo

que acarinhas

no coração

Toma-me

leva-me contigo

faz de mim amante

amigo

O teu homem

O teu amor

Toma-me nas madrugadas

em que lágrimas

me banham o rosto

quieto

em expectativa

desse amor que nos prende

que grita

forte

latente

no seio da nossa alma

Toma-me

leva-me contigo

esquece o medo

a dor

Vamos viver o amor

que sentimos nos corações

Vem, leva-me contigo

faz de mim o teu Senhor

Faz de mim o teu escravo

Toma-me

leva-me em teus braços

vamos recriar os abraços

sorrisos

e ternura

Toma-me

leva-me contigo

Quero ser o teu abrigo

o teu porto de chegada

Toma-me

Leva-me contigo

vamos deixar que sequem as lágrimas

soltas

de madrugada

Quero ser teu amigo

teu amante

teu amor

tua luz

Tua estrada

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 11:54


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds