Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A Lua

Terça-feira, 27.02.07

 

A lua aparece no céu

devagarinho

para espreitar

os amantes que enlaçados

fazem juras de amor

Ela é testemunha

de juramentos enamorados

de beijos com travo a dor

e tão repletos de amor

A Lua espreita interessada

os amantes que abençoa

com a sua luz prateada

que seu namorado o Sol

não cansa de lhe emprestar

e a lua enamorada

pela calada da noite

os amantes vem espreitar

E nas noites de inverno

quando o orvalho molha

as faces dos namorados

as gotas que caem sobre eles

é a lua a lembrar

o seu namorado ausente

Que nunca com ela se encontra

ao ver amantes apaixonados

seus olhos soltam as lágrimas

do seu amor tão doloroso

Não é orvalho que molha

os rostos dos namorados

nas noites ternas de luar

é a tristeza da lua

é a lua a chorar

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 12:14


1 comentário

De Valquiria a 27.02.2007 às 12:51

Sim são as lágrimas que cai,sobre os enamorados.Pois irei lhe contar um segredo tbm.Quando você olhar para o céu aprtir de agora, e ver o Sol encobriu a Lua é porque ele se deitou sobre ela e começaram a se amar e é ao ato desse amor que se deu o nome de eclipse.Como os encontros são raros por isto;esta lágrimas.
Todos seus textos transmite esperanças,bos sentimentos e romantismo.
Adoro histórias de amor!Como algém ja disse sou romantica incuravél.
Beijos

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds