Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Mãos

Domingo, 16.07.06

As tuas mãos delicadas amor

com que teces a teia suave

do afago que me cobre

As tuas mãos delicadas amor

onde inventas o mundo, leve,

feito de espuma de um mar sonhado

onde mergulho feliz

As tuas mãos amor

com que teces os segredos, os encantos

e a magia

com que cativas a minha alma

As tuas mãos amor

onde nascem ilusões, flores, fadas

quimeres, afagos, e ternura

com que preencho os meus dias

As tuas mãos amor

ternas, suaves, delicadas

que me tecem um ninho de amor

onde calmamente me deito

e velado por ti, adormeço

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 17:29


1 comentário

De Valquiria a 16.07.2006 às 21:05

Você e horizonte e eu o entardecer Em nós o romantismo. Você é o frio e eu o cobertor Em nós o calor. Você é o coração e eu emoção Em nós toda a emoção . Você é meu sonho E eu a realidade Em nós fantasias realizadas.
Beijos
Val

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes