Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Dissecando o medo

Sexta-feira, 06.06.14


É engraçado como uma simples palavra ou frase pode fazer eco na nossa memória . Quantas vezes nos dizem algo e esse algo traz-nos a clara lembrança de coisas que se viveram . Há emoções que são gerais em qualquer ser humano e sentir medo é uma delas. Mas o que é o medo? O medo é uma sensação de frio no estômago , que geralmente nos assalta em momentos de decisão .O medo provoca inquietação , o medo pode ser real ou meramente baseado em causas imaginárias . O medo bem doseado é necessário , é o medo que nos protege de excessos de confiança que podiam correr mal , o problema é quando o medo se torna a causa de não conseguirmos seguir em frente . O medo incomoda , quando é possível ter tudo na mão e na hora H , ele vem e impede de alcançar o que se deseja. Quantas vezes paramos e pensamos , porque não fizemos isto ou aquilo e a resposta é apenas uma , na maioria das vezes não fizemos ou não agimos porque tivemos medo . Há pessoas que estragaram carreiras brilhantes apenas por medo . Para isto , existe apenas uma solução , saber administrar o medo . O medo , que deveria ser apenas um sentimento primário , se não tratado, pode tornar-se em algo bastante limitativo e complexo . O medo está ligado ao facto de nos sentirmos julgados pelos outros , caso aquilo que fazemos ou dizemos não esteja certo . O medo divide-se em fobias . As pessoas tendem a justificar uma fobia com um trauma do passado e isso geralmente não é verdade . Existe uma predisposição genética para sentir fobias . Existem fobias especificas como o medo de baratas , agulhas etc. , que é geralmente uma fobia de transferência , um medo que incorporamos em crianças , porque o percebemos em quem nos rodeia . No entanto existem fobias muito limitativas e que podem ter causas especificas .

As fobias podem dever-se a factores ambientais e processam-se devido a doenças infantis ou ao facto da criança ter crescido muito isolada .

As fobias educacionais , que têm directamente a ver com uma educação restritiva , onde os pais se preocupam em excesso com o que os outros podem pensar deles .

Existe também a modelação , quando os pais têm determinada fobia e os filhos de tanto a viver , apreendem-na .

Não existem curas milagrosas para o medo . A melhor maneira de encarar o medo , geralmente é enfrentá-lo , por pior que essa opção possa parecer .

Autoria e outros dados (tags, etc)

Escrito por Gonçalo de Assis às 09:33


2 comentários

De Maria Manuel Batista a 06.06.2014 às 10:10

Foste lembrar-te do medo das baratas porquê??

De Gonçalo de Assis a 06.06.2014 às 10:14

Olha , nem sei porque me fui lembrar de tal coisa ... Generalidades ... Eu que nem conheço ninguém com medos desses ....

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  



comentários recentes



subscrever feeds